Prefeito de Ipatinga anuncia para junho antecipação de 50% do 13º salário

O prefeito de Ipatinga, Gustavo Nunes

IPATINGA – Com o objetivo principal de fomentar o comércio, tão afetado pela pandemia e, também, pelo período de “Onda Roxa” imposto pelo Governo do Estado, além de valorizar o funcionalismo, o prefeito de Ipatinga, Gustavo Nunes, anunciou nesta quarta-feira (26) a antecipação da primeira parcela do 13º salário. Parte da gratificação normalmente paga no final do ano será disponibilizada aos servidores municipais no próximo dia 10 de junho, reforçando os valores a serem quitados em favor da categoria no início do mês, referentes ao trabalho de maio.

O adiantamento da metade do 13º salário significará a injeção de cerca de R$ 12,6 milhões na economia local, próximo a uma data significativa para os comerciantes, o Dia dos Namorados. O benefício será estendido também ao servidores inativos.

R$ 34 milhões na economia

O Poder Executivo ainda informou que, considerando o pagamento deste mês de maio, previsto para 1º de junho, a Administração municipal estará fortalecendo os setores de comércio e serviços com a disponibilização de uma receita de R$ 34 milhões num espaço de apenas dez dias.

“Nossos comerciantes viveram momentos bastante complicados recentemente. Então, para aquecer a economia local e cumprindo um dos preceitos fundamentais do nosso governo, que é a valorização do servidor, optamos por adiantar a primeira parcela do 13° para o próximo dia 10 de junho. Isso, somado ao pagamento do mês de maio, disponibiliza quase R$ 34 milhões, próximo ao Dia dos Namorados”, salientou o prefeito.

Vale ressaltar que cabe ao servidor escolher se quer ou não a antecipação do 13º salário. Contudo, acredita-se que pelo fato da primeira parcela ser “cheia”, sem nenhum desconto, a grande maioria optará pelo recebimento dos 50% agora, reforçando seu orçamento.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *