Programa Andanças em ação

Timóteo – O Programa Andanças completou neste ano 23 anos de sua criação.  Para celebrar a longevidade da iniciativa, resultados positivos têm sido conquistados ao longo da trajetória do grupo.

“O programa Andanças teve sua origem em 1996 a partir das carências das pessoas de terceira idade que foram identificadas através de uma pesquisa com um grupo de idosos integrantes da Associação dos Aposentados e Pensionistas de Timóteo”, recorda Irene Perdigão, diretora do programa.

Segundo ela, os dados coletados apontavam para a necessidade que os idosos tinham de praticar atividades físicas e participar de movimentos culturais e sociais.

A partir de então, nasceu o Andanças, que é desenvolvido graças à parceria entre a Fundação Aperam Acesita e a Associação dos Aposentados e Pensionistas de Timóteo e Prefeitura de Timóteo.

Com quase 800 participantes, o programa Andanças estimula os idosos a adotar práticas alternativas da saúde. “De terça a sexta-feira, são ofertadas aulas de alongamento, atividades holísticas, natação, matroginástica, hidroginástica, teatro, dança, música, seminários e palestras com abordagens ampliadas, entre outras atividades que ajudam a promover o bem-estar da terceira idade”, comenta Irene, acrescentando que, ações voltadas ao lazer também são desenvolvidas, como passeios, viagens e comemorações diversas.

“O Andanças trabalha a autonomia, questões emocionais e sociais que os idosos  vão perdendo ao longo dos anos. Lidamos com a autoestima de um grupo que muitas vezes não teve a oportunidade de desenvolver habilidades na sua infância ou juventude,  de ter um contato com uma piscina ou quadra para praticar esportes”, sublinha a coordenadora do Programa Andanças, Helena Nunes de Souza.

“Se for para envelhecer, que seja com saúde, bem-estar e fazendo novas amizades”, destaca dona Maria das Graças, que aos 69 anos frequenta as aulas de hidroginástica oferecidas pelo Programa Andanças.

O programa Andanças tem ainda como um dos seus principais pilares contribuir para o processo reflexivo acerca das novas dimensões da velhice, buscando o envolvimento não só dos participantes desse projeto, mas da comunidade.

“A parceria na realização do Programa Andanças, veio para contribuir com a qualidade de vida do seu público. Ampliando oportunidades de acesso do mesmo a conhecimento, interação social, atividades físicas de cultura, lazer, além de fomentar o desenvolvimento da consciência crítica dos participantes enquanto cidadãos. Muito gratificante identificar os resultados alcançados nos mais de 20 anos dessa parceria”, enfatiza o presidente da Fundação Aperam Acesita, Venilson Vitorino.

Antes e depois

De acordo com a educadora física do programa, Natália Nascimento, a evolução do aluno no programa é perceptível logo nas primeiras semanas após o seu ingresso. “Muitos chegam aqui tomando diversos remédios, com dores no corpo, tímidos e cabisbaixos. Bastam algumas aulas, e a qualidade de vida deles já muda. É surpreendente o poder das amizades, das atividades físicas, culturais, dentre outras. Elas facilitam a integração social e são essenciais no processo de reacender nas pessoas a vontade de viver”, analisa Natália.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *