Fabriciano oferta merenda especial para crianças com restrições alimentares

FABRICIANO – A Prefeitura de Coronel Fabriciano, por meio da Secretaria de Governança Educacional, oferta alimentação especial para crianças com restrições alimentares. A Gerência de Alimentação Escolar trabalha para que a Lei Federal nº 12.982/14 que garante merenda especial para alunos com restrições alimentares atenda a todas as crianças da Rede Municipal. O processo de adaptação de novos alimentos teve início em 2017 em todas as escolas municipais e creches conveniadas do município e se intensifica neste ano.

Os pais ou responsáveis devem levar à escola um laudo comprobatório atestando a necessidade de alimentação especial para a criança e, a partir disso, o município fornecerá o alimento. Dentre os alimentos que o município fornece, estão os iogurtes sem lactose. A bebida láctea é distribuída uma vez por semana para cerca de nove mil alunos, sendo que 15% destes recebem o alimento sem lactose.

Outro objetivo é enriquecer o valor nutricional da alimentação e variar o cardápio, alcançando e atendendo um número maior de alunos. “Atendemos alunos diabéticos, com intolerância à lactose, Alergia à Proteína do Leite de Vaca – APLV e glúten e alérgicos a ovos e soja. O cardápio alimentar é bem controlado e variado. O aluno recebe a alimentação adequada de acordo com o período que ele fica na escola. Ficamos felizes com a confiança que os pais têm no trabalho do município, e para retribuir cuidamos não só da educação deles, mas sim da alimentação que é essencial,” afirma a Gerente de Alimentação Escolar, Renata Leite.

Segundo a Associação Brasileira de Alergia e Imunologia (ASBAI), no Brasil estima-se que 5% das crianças brasileiras sofrem alguma alergia alimentar.

SAIBA MAIS
Como não existem medicamentos para tratar APLV, as crianças pequenas que estão amamentando precisam seguir a dieta orientada pelo médico ou nutricionista, que inclui o alimento conhecido como fórmula infantil. Alimentos contendo proteínas do leite podem desencadear os sintomas da alergia, como reações de pele, refluxos, irritabilidades, dores abdominais e sangue nas fezes, além de choque anafilático, em casos mais graves.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *