Liderando corrida para o Senado, Dilma visita Ipatinga

Candidata ao Senado se reunirá com seus eleitores no trevo do bairro Jardim Panorama às 16h.

IPATINGA – A ex-presidenta Dilma Rousseff (PT), candidata ao Senado por Minas Gerais, visita Ipatinga no próximo domingo (26), onde realiza atividade de campanha, às 16h, no trevo do bairro Jardim Panorama.  O ato com a presença da ex-presidenta está sendo organizado pelo Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores juntamente com lideranças dos movimentos sociais, dirigentes do PT e PC do B na região. Dilma lidera as intenções de voto para o Senado em Minas com 25%.

ANTI-GOLPE

A vereadora Lene Teixeira (PT) avalia que a vinda de Dilma Rousseff a Ipatinga é importante, para alavancar a campanha na região,  para esclarecer a atual conjuntura política no País e no Estado. “É interessante que Dilma venha disputar as eleições para o senado em seu Estado natal, porque é uma oportunidade para mostrar ao povo mineiro como foi vítima de um golpe que interrompeu o processo democrático no País, destruiu as políticas sociais e a soberania nacional. Neste sentido, é importante ressaltar que um dos principais responsáveis por esta ruptura democrática foi o senador Antonio Anastasia, atual candidato ao governo de Minas que, ao lado de Aécio Neves, inconformado com a derrota eleitoral para presidente, orquestrou a crise que se abate o País, retirando direitos, importantes conquistas trabalhistas e destruindo as políticas públicas civilizatórias”, afirma a vereadora.

OBRA DE ANASTASIA

Lene também sublinhou que a situação de crise vivida pelo estado e que alguns prefeitos atribuem ao governo Pimentel é resultado de uma ação provocada pelo próprio Anastasia. “Primeiro pelo chamado choque de gestão, quando foi governador,  depois quando orquestrou o golpe e foi um dos seus articuladores no Senado, Anastasia deu fôlego para ascensão de Michel Temer, que não cumpre suas obrigações com os estados e municípios deixando de lhes repassar, somente em 2017, mais de R$ 20 bilhões, que resultou no atual estado de calamidade pública na saúde, educação e na folha de pagamento”, destacou a vereadora.

REELEIÇÃO

Lene Teixeira que também é integrante da direção estadual do PT defendeu a reeleição de Fernando Pimentel, a liberdade de Lula e o direito dele ser candidato à presidente República. “A reeleição de Pimentel é importante para barrar o golpismo em Minas e para apoiar a candidatura de Lula e Haddad à presidência, ao mesmo tempo em que representa a continuidade de políticas progressistas no estado de Minas, como o investimento em infraestrutura, cultura, agricultura, economia solidária, saúde, educação e segurança pública”, elencou a vereadora.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *