Douglas garante para o 5º dia útil, o pagamento da complementação dos Aposentados de Timóteo

No próximo dia 5 de outubro serão feitos dois pagamentos referentes aos meses de agosto e setembro, reajustados em 3%

Em clima tranquilo, os aposentados ouviram atentamente os esclarecimentos sobre o restabelecimento do pagamento da complementação salarial.

TIMÓTEO (Foto PCReis) – Com a tão esperada garantia judicial em mãos, oficializada pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais, recebida na última segunda-feira (24), que restabeleceu em definitivo a complementação aos aposentados, suspensa desde 2016, o prefeito Douglas Willkys, reuniu com a categoria na tarde desta sexta-feira (28),  no auditório da Prefeitura, para esclarecer alguns pontos sobre a maneira pela qual será feito o pagamento da complementação salarial.

O evento contou com a presença do prefeito Douglas Willkys, de todo o secretariado municipal, vereadores Luiz Perdigão, Tibata, Raimundinho, Adriano, Binha, Ivair, Zizinho, Gualberto, Alexandre Maria, Professor Diogo e Israel dos Passos Arcanjo, representante do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sinsep).

A Administração Municipal deu como garantido que os pagamentos das complementações serão feitos no quinto dia útil de cada mês. No próximo dia 5 de outubro serão feitos dois pagamentos referentes aos meses de agosto e setembro, reajustados em 3%, percentual acordado com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipal (Sinsep), durante campanha salarial. A partir de segunda-feira, dia 1º de outubro, o setor de Recursos Humanos da prefeitura atenderá a partir das 14h, os aposentados que tenham alguma pendência ou dúvida a ser resolvida em casos específicos.

O procurador geral do município, Humberto Abreu, durante a sua fala reforçou a preocupação com a segurança jurídica e a estabilidade institucional do município. “Desde o início a nossa intenção era trabalhar dentro dos limites da lei, com toda a segurança jurídica que a Administração precisava ter para fazer a complementação”, citou.

O prefeito Douglas Willkys, por sua vez, agradeceu a presença dos aposentados, afirmou que o encontro desta sexta-feira era “o ponto final de uma etapa  difícil e de sofrimentos pela qual os aposentados passaram”. Douglas enfatizou também que para cumprir com o pagamento de salários, complementações e férias em dia, a Administração vai ter que adotar medidas duras que vão impactar no restante da cidade.

Independentemente das manifestações e cobranças que atual gestão sofreu por aguardar um posicionamento do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) para fazer o pagamento das complementações, Douglas disse que “não mais é hora de olhar pelo retrovisor”. “O momento atual do nosso município não permite vaidades, nem caprichos. Vamos olhar pra frente e trabalhar para que a nossa cidade nosso volte a ter credibilidade e segurança institucional”, pontuou Douglas Willkys.

O prefeito ainda afirmou que a sua Administração tem o princípio de fazer diferente, com responsabilidade e doa quem doer. Ele enfatizou que os “gestores que passaram a partir do corte da complementação em 2016, não se preocuparam com reservas financeiras, pensando neste momento do restabelecimento da complementação”. Douglas deixou explicito que a partir de agora, para continuar cumprindo os compromissos com servidores (ação judicial) e população, “será preciso fazer ajustes financeiros na folha de pagamento e reduzir outros gastos”, declarou.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *