Polícia prende dois suspeitos da morte de Pastor na Lagoa do Pau

JAGUARAÇU – A Polícia Militar de Jaguaraçu prendeu nesta segunda-feira (22), na cidade de Caratinga, dois homens suspeitos da morte do pastor Alexandre Siqueira, 38 anos, no último domingo, no distrito de Lagoa do Pau.

Testemunhas disseram a Polícia Militar que Alexandre Augusto Siqueira discutiu com dois homens em um bar por causa do volume do som de um carro. Momentos depois, eles foram até a casa da vítima e atiraram várias vezes.

A namorada de Alexandre contou à PM que ele chegou nervoso em casa por causa da discussão e, em seguida, desceu as escadas novamente. Ela seguiu o namorado para saber o que estava acontecendo, mas quando chegou à garagem ele já estava baleado.

A vítima chegou a ser socorrida e encaminhada ao Hospital São Camilo, em Timóteo, mas morreu antes de receber o atendimento. Após o crime, a polícia montou um cerco na região e localizou o veículo com os suspeitos na cidade de Caratinga, há 150 quilômetros do local do homicídio. Com os suspeitos foi encontrada munição e um revólver calibre 38, com quatro cartuchos intactos.

O homem que dirigia o carro disse aos PMs que era caminhoneiro e usava a arma para sua proteção contra assaltos. Presos em flagrante, os dois suspeitos de 20  e 35 anos foram encaminhados à delegacia de Timóteo. O caso continua sendo investigado.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *