domingo, junho 23, 2024
DestaquesMeio Ambiente

ArcelorMittal consolida iniciativas voltadas a um futuro mais sustentável

REDAÇÃO – Na data em que é celebrado o Dia Mundial do Meio Ambiente, a ArcelorMittal destaca programas voltados para uma produção com baixa emissão de carbono, eficiência energética, uso racional de recursos naturais e preservação da biodiversidade. Ao longo dos anos, a empresa vem aprimorando sua gestão ambiental e investindo em projetos inovadores capazes de contribuir com um futuro mais sustentável.

Para demonstrar seu compromisso com a aceleração do progresso da descarbonização, o Grupo ArcelorMittal foi pioneiro no setor ao lançar a meta global de ser carbono neutro até 2050 e, como passo intermediário, reduzir em 25% suas emissões específicas até 2030. Nesse sentido, além de investir na inovação e no desenvolvimento de produtos em favor da descarbonização da cadeia, como a linha XCarb©, foi estabelecido um roadmap que se desdobra em planos diretores nos 15 países de atuação do Grupo. No Brasil, o Plano Diretor de CO2 definiu estratégias e metas focadas em cinco vertentes: transformação da produção de aço, eficiência energética, incremento do uso de sucata, energia limpa e compensação das emissões residuais.

“A ArcelorMittal é líder global e o maior produtor de aço no Brasil e, por isso, considera sua responsabilidade fazer parte dos esforços do setor e da  solução para que sejamos carbono neutro até 2050”, afirma Guilherme Abreu, gerente-geral de Sustentabilidade da ArcelorMittal Brasil.

Algumas das unidades da empresa atingiram índice de recirculação de água acima de 98%. A unidade de Tubarão (ES) é um exemplo de eficiência e inovação. Atualmente, é a maior planta de aço da empresa e possui a menor dependência da captação de água doce do Brasil: 96% da água utilizada em seus processos vem do mar.  A unidade opera a maior planta de dessalinização de água do mar do país, capaz de produzir até 500m³/h de água industrial e possui poços para captação de água subterrânea.

Outra iniciativa para estimular tanto a redução do uso, quanto o consumo consciente e o manejo dos recursos hídricos foi a adoção de um Plano Diretor de Águas em todas as unidades. O plano diretor executa programas que monitoram o consumo, buscam fontes alternativas de abastecimento, maximizam a recirculação e asseguram que o volume devolvido ao ambiente seja de qualidade.

Além disso, estabelece a estratégia em curto, médio e longo prazos para garantir a disponibilidade de recursos hídricos para as atividades da empresa, visando simultaneamente a mitigação de impactos ambientais externos com a adoção de iniciativas para disponibilizar o maior volume possível do recurso para a sociedade.

Segurança Hídrica das Bacias Hidrográficas

A partir do desenvolvimento do Plano Diretor de Águas foi firmada uma parceria inédita com a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) para a realização do “Estudo de Previsibilidade de Bacias”. O estudo pretende apresentar em 2025 um diagnóstico detalhado das Bacias Hidrográficas principalmente onde as operações da empresa estão inseridas.

A pesquisa abrange diversas unidades industriais em diferentes estados do país – Barra Mansa (RJ), João Monlevade (MG), Juiz de Fora (MG), Resende (RJ) e Piracicaba (SP) – e visa analisar os cenários de adaptação necessários para enfrentar os desafios impostos pelas mudanças climáticas. Estes dados podem servir de referência para a captação de água e preservação das bacias, tanto para outras empresas como para os órgãos públicos.

Projeto Caiman

No campo da conservação da biodiversidade, um dos destaques é o Projeto Caiman – Jacarés da Mata Atlântica, realizado pela unidade Tubarão (ES) da ArcelorMittal em parceria com o Instituto Marcos Daniel. O projeto é pioneiro na conservação da biodiversidade capixaba, especialmente dos jacarés da Mata Atlântica. Entre suas atividades estão a realização de pesquisas, iniciativas de educação ambiental e formação de jovens pesquisadores por meio do programa de iniciação científica. Além disso, para levar conhecimentos ao grande público sobre a espécie e suas interações dentro do seu habitat, o Projeto Caiman desenvolve iniciativas de sensibilização ambiental, que incluem diversas atividades educacionais.

Florestas renováveis

A ArcelorMittal BioFlorestas é a unidade ArcelorMittal que produz carvão vegetal a partir de florestas renováveis de eucalipto. Presente em 15 municípios mineiros e com sedes administrativas em Martinho Campos, Carbonita, Vazante, Dionísio e Juiz de Fora, a ArcelorMittal BioFlorestas tem hoje um papel fundamental para que as ações da empresa ligadas à descarbonização do processo produtivo do aço sejam alcançadas.

Atualmente, ela é responsável pela geração de 300 mil toneladas de carvão vegetal por ano para atender a demanda da usina da ArcelorMittal em Juiz de Fora e conta com cerca de 110 mil hectares, onde 59% são destinadas ao plantio de florestas, 32% a reservas ambientais e 9% são compostas por estradas e estruturas.

Coprodutos

A geração de resíduos e os impactos significativos associados a todo o ciclo de vida das operações é abordada de forma integrada, desde a entrada de matérias-primas até a distribuição dos produtos. Da mesma forma, na reutilização do aço, a empresa é uma das líderes mundiais em reciclagem de sucata metálica, processando cerca de 30 milhões de toneladas todo ano. No Brasil, a linha que utiliza resíduos em sua fabricação já conta com 40 coprodutos.

Na unidade do Pecém (CE), a produtora de aço adota processos e equipamentos de última geração para que os resíduos sólidos gerados tenham gestão e destinação adequada. Como resultado, a empresa consegue o reaproveitamento de 99% dos resíduos sólidos gerados. Conta com solução para tratamento de coprodutos (materiais gerados na produção que não são aço ou energia, mas têm valor agregado) únicos no Brasil, como o BSSF – Baosteel’s Slag Short Flow, equipamento único no Brasil e que granula a escória de aciaria em tempo bastante inferior aos processos convencionais e abre novas aplicações para o material.

Sobre a empresa

Maior produtor de aço no Brasil e líder no mercado global, o Grupo ArcelorMittal tem cerca de 127 mil empregados, sendo 20 mil no Brasil, e atende a clientes em 140 países, com o propósito de criar aços inteligentes para as pessoas e o planeta.

A empresa tem unidades industriais em oito estados (MG, ES, RJ, SC, CE, BA, SP e MS), além de unidades de distribuição e serviços em todo o país. É a única empresa do setor do aço no Brasil a contar com a certificação ResponsibleSteel. As plantas brasileiras têm capacidade de produção anual de 15,5 milhões de toneladas de aço bruto e de 5,1 milhões de toneladas de minério de ferro e atende as indústrias automobilística, de eletrodomésticos, construção civil, óleo e gás, naval, dentre outras.

A empresa atua, ainda, em áreas como geração de energia para consumo próprio, produção de biorredutor renovável (carvão vegetal a partir de florestas plantadas de eucalipto) e tecnologia da informação.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *