sexta-feira, julho 19, 2024
DestaquesMeio Ambiente

Estatuto da Associação do Circuito Turístico Rota do Muriqui é aprovado

CARATINGA – Foi aprovado nesta terça-feira (23) durante assembleia na cidade de Caratinga, o Estatuto da Associação do Circuito Rota do Muriqui. O circuito turístico é composto pelos municípios da região – Caratinga, Ipanema, Santa Rita de Minas, Córrego Novo, Piedade de Caratinga, Ubaporanga, Vargem Alegre, Pingo D’Água – e recebe visitantes de diversos cantos do mundo interessados em conhecer os altos índices de biodiversidade encontrados na Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) Feliciano Miguel Abdala.

O presidente do Circuito, Luiz Paulo Coelho, prefeito de Pingo D’Água, recebeu a Senhora Maria Cecilia, prefeita de Vargem Alegre, juntamente com a Vereadora Marlisia, Secretaria de Educação Esporte Cultura e Turismo, para assinatura do Termo de adesão à Associação.

Estiveram presentes na assembleia, o responsável técnico do circuito, Leonardo Caetano, juntamente com os representantes dos municípios de Caratinga, Pingo D’Água, Córrego Novo, Santa Rita, Pocrane, Ipanema, Vargem Alegre e Imbé de Minas.

O Circuito

A mais importante população do maior primata das Américas, o muriqui-do-norte (Brachyteles hypoxanthus), pode ser observada de perto pelo visitante que escolher o Circuito Turístico Rota do Muriqui como destino. Embora ainda não completamente formatado, o roteiro já permite o turismo ecológico na área de Mata Atlântica que abriga o animal.

O espaço é a Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) Feliciano Miguel Abdala, localizada na cidade de Caratinga, na Bacia do Rio Doce. A reserva de 957 hectares já foi visitada por cientistas de países como Estados Unidos, Itália, Inglaterra, França, Alemanha, Nova Zelândia, Bélgica, Portugal, Austrália, Japão, Áustria, Espanha, Holanda, Dinamarca, Irlanda, Uruguai, Argentina, Canadá, Suíça, Colômbia e Finlândia, e hoje está aberta a turistas.

“Havia uma resistência contra a exploração turística, devido à diversidade ecológica. Hoje, a ONG [organização não governamental] Preserve Muriqui, administra o local e agenda visitas acompanhadas por um guia. O local é incrível e dá para ver o muriqui bem de perto”, conta o gestor do Circuito Turístico Rota do Muriqui, Igor Cabral.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *