segunda-feira, fevereiro 26, 2024
DestaquesEducação

Mesmo com atrasos do Fundeb de R$ 9 milhões com Timóteo, educação apresenta resultados positivos

Timóteo – Após catorze meses à frente da Prefeitura de Timóteo, o resultado da atual gestão é positivo, especialmente na área de Educação, setor que tem enfrentado dificuldades como a ausência e atrasos de repasses do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e Valorização dos Profissionais da Educação), cujo débito já soma R$ 9 milhões.

A atual administração assumiu a Prefeitura em 13 de julho de 2018 e, mesmo diante das dificuldades na transferência de recursos federais e estaduais, a manutenção de serviços como merenda escolar, transporte escolar, salários e pagamento de férias estão em dia.

A primeira medida de impacto efetivada pela Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer foi a retomada da gestão democrática nas escolas por meio da eleição direta para escolha de diretores e vice-diretores nas 15 escolas do Município. Esse era um compromisso assumido e que foi cumprido em 2018 pelo prefeito Douglas Willkys e pelo vice-prefeito e secretário de Educação, José Vespasiano Cassemiro, o Professor Vespa, junto à categoria e ao sindicato dos servidores.

Eleição direta para Diretores

O processo de eleição direta havia sido interrompido em 2017 com a substituição de diretores eleitos democraticamente pela comunidade escolar por indicações políticas, contrariando assim a legislação municipal vigente. Esse retrocesso foi percebido no resultado do último Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) no ano de 2017. O IDEB é calculado com base no fluxo escolar e nas médias de desempenho das avaliações (Prova Brasil) e tem como finalidade medir a qualidade do aprendizado estabelecendo metas para a melhoria do ensino.

“É prematuro fazer qualquer avaliação da Educação com base em dados anteriores à nossa gestão. Acredito que os avanços promovidos por nosso mandato estão repercutindo positivamente”, pontuou professor Vespa.

Gestão Financeira

Realizadas as eleições diretas, o próximo passo foi o de garantir um terço da carga horária dos professores que atuam no ensino regular para atividades extraclasse, ou seja, período utilizado para a elaboração de provas, capacitações, pesquisas e outras iniciativas que colaborem para o aprimoramento da carreira e, consequentemente, em melhorias no ensino. Timóteo era o único município da região sem cumprir a Lei Federal 11.738/2008. Para tornar realidade a nova jornada extraclasse, implantada em janeiro de 2019, a atual gestão investiu R$ 2,5 milhões.

Retomada da Olimpíada Escolar

Outra iniciativa que trouxe novo fôlego à gestão escolar foi o reajuste em 100% no valor repassado para as escolas municipais pelo PGF-E (Programa de Gestão Financeira Educacional). O valor repassado per capita era de R$ 4,50 e não tinha reajuste desde 2012. Em dezembro de 2018, a atual gestão da Prefeitura de Timóteo corrigiu o valor para R$ 9,00. Esse dinheiro é utilizado para o custeio de pequenas reformas, limpeza, capina, entre outros, garantindo mais autonomia na gestão educacional.

A entrega da Unidade Municipal de Educação Infantil (UMEI) do bairro Limoeiro em fevereiro deste ano foi outra ação que trouxe benefícios diretos para a população. Iniciada em 2011, a obra sofreu várias interrupções ao longo de sete anos, mas foi retomada pela atual gestão. A unidade atende a 60 crianças em período integral.

Projeto Ajudôu envolve cerca de 1,5 mil alunos da rede pública

A retomada das Olimpíadas Escolares, envolvendo cerca de 1,5 mil alunos da rede pública e particular de ensino; o resgate do Projeto Ajudôu que ministra aulas de judô nas escolas da rede municipal e na APAE; a nomeação dos aprovados no concurso de 2014 para a área de Educação; o estímulo à participação de estudantes timotenses nas Olimpíadas de Conhecimento (Astronomia, Matemática e Língua Portuguesa); bem como a regularização de convênios com creches que atendem cerca de 900 crianças são algumas das dezenas de ações que o atual governo adotou em benefício da Educação.

Sede da Secretaria de Educação saí do aluguel

Para reforçar os compromissos e assegurar maior dinâmica ao setor educacional de Timóteo, a estrutura administrativa, pedagógica e de assistência ao educando da Secretaria de Educação foi centralizada num imóvel próprio que foi revitalizado ao lado do Ginásio Poliesportivo Iorque José Martins, no bairro Centro-Norte. Entre as vantagens com essa mudança está a facilidade de acesso para o atendimento ao público e aos servidores, além de garantir economia aos cofres públicos, haja vista que anteriormente essa estrutura ocupava um imóvel alugado.

Alunos recebem kit de higiene bucal

Alunos da Escola Municipal Angelina Alves de Carvalho receberam kits de higiene bucal. A ação é uma parceria das Secretarias de Saúde e Educação de Timóteo para prevenção das cáries por meio da higiene adequada da boca e dos dentes.

De acordo com o secretário de Saúde, Eduardo Morais, o Programa Sorriso Saudável na Escola é um investimento na higiene bucal desde a infância. Na década de 80 o município foi referência em saúde bucal com índice de CPOD abaixo do preconizado pela Organização Mundial de Saúde. Hoje, com uma realidade diferente, podemos investir na prevenção como forma de evitar a deterioração precoce dos dentes, educando as crianças a manter uma higiene ideal no dia a dia. Por isso, pedimos a participação dos pais para reforçar a escovação em casa também”, falou Eduardo.

 

 

 

 

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *