Comissão Processante da Câmara de Ipatinga será presidida pela vereadora Lene Teixeira

IPATINGA – Vereadora Lene Teixeira é escolhida para presidir a Comissão Processante que vai apurar quebra de decoro parlamentar pelos vereadores Paulo Reis, Rogerinho, Luiz Márcio e Wanderson Gandra. Assista ao vídeo com a entrevista concedida pela vereadora, nesta quinta-feira (14), após a reunião que decidiu pela instalação da CP.

ENTENDA O CASO

O presidente do Legislativo ipatinguense, Jadson Heleno, protocolou no dia 20 de fevereiro pedido de Comissão Processante (CP) para apurar as condutas de quatro vereadores investigados e denunciados pelo Ministério Público por crimes de peculato, lavagem de dinheiro, corrupção ativa e passiva, falsidade ideológica, dentre outros.
A assessoria técnica da Câmara irá analisar o pedido e emitir parecer. Após isso, o próximo passo da Comissão é a realização de um sorteio dos membros que serão presidente, vice-presidente e relator da CP. Lembrando que apenas o presidente Jadson não poderá fazer parte da Comissão, porque é ele quem assina o pedido.
Em uso da Tribuna, o presidente disse que “desde os inícios das investigações vem contribuindo com a justiça, e esta Comissão Processante é o ato mais duro que a legislação prevê para punir os investigados, garantindo amplo direito de defesa a todos. Esperamos que a que a verdade venha à tona e que a instituição faça com transparência, zelo e verdade o seu papel”, disse. A Comissão tem 90 dias para concluir os trabalhos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *