Aperam BioEnergia e Fundação Aperam Acesita concluem ciclo de capacitação para educadores no Vale do Jequitinhonha

Redação-Com a participação de aproximadamente 350 profissionais, foi realizado o terceiro encontro com os educadores de cinco municípios do Vale do Jequitinhonha. O evento marca a finalização da agenda de formação que ofereceu reflexões acerca da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e Currículo Socioemocional, e promoveu a troca de conhecimentos e práticas entre os profissionais de cada cidade.

No dia 23 de setembro, estiveram reunidos os especialistas de Capelinha e Itamarandiba, e no dia 25 foi a vez de Minas Novas, Turmalina e Veredinha. A formação foi conduzida pela doutoranda em Psicologia Social, Marly Andrade, e pelo gestor de Projetos, Paulo Henrique Silva. O tema em debate foi “Metodologias Ativas – Projetos Integradores”.

A ação é parte integrante do Programa de Melhoria da Qualidade do Ensino no Vale do Jequitinhonha, desenvolvido pela Fundação Aperam Acesita, em parceria com a Aperam BioEnergia e Secretarias Municipais de Educação.

Para o gestor de Responsabilidade Social da Aperam BioEnergia, Raimundo Lima, a conclusão da Formação Continuada em 2019 foi um sucesso e lança boas expectativas para a melhoria da qualidade do ensino na região. “Tivemos grande participação e pudemos notar o engajamento dos especialistas na aplicação dos conhecimentos compartilhados nos encontros. Certamente, bons frutos serão colhidos daqui pra frente”, afirmou Lima.

A marca na educação

Segundo Marli Andrade, os temas trabalhados durante os três encontros são complexos no que se refere à mudança de práticas em sala de aula e postura comportamental, mas que foram acolhidos pelas turmas de forma muito profissional e receptiva. “As probabilidades de êxito de uma formação aumentam quando atuamos com profissionais que amam a educação, a infância, a adolescência e os estudos. E foi o que ocorreu aqui: êxito total!”, frisou Marli.

A doutoranda disse que, após o encerramento do ciclo de formação, inicia-se um ciclo de amizade, troca de experiências e vivências, compartilhamentos de saberes e afetividade. “Considerando que a BNCC propõe um diálogo regionalizado, de forma permanente, por entender que os estudantes transitam, sobretudo, pelos territórios limítrofes, a Formação Continuada, que oportunizou o encontro de profissionais, demonstrou que este diálogo é necessário e promissor”, comentou.

Programa de Melhoria da Qualidade do Ensino

As iniciativas do programa contemplam todos os públicos ligados à educação nos cinco municípios de atuação da Aperam BioEnergia e reúnem diferentes ações, todas voltadas para a melhoria da qualidade do ensino no Jequitinhonha. Desde 2018, foram realizados seminários, workshops e capacitações para os educadores de Capelinha, Minas Novas, Turmalina, Itamarandiba e Veredinha.

“Acreditamos que, ao capacitarmos os pedagogos, estes serão capazes de multiplicar todo aprendizado junto à equipe de professores, e estes darão continuidade ao processo com os estudantes, para que saibam construir caminhos de mudanças, por meio de ações concretas e tecnicamente embasadas, que tenha efetiva capacidade transformadora e, sobretudo, o levem a aliar a teoria à prática” pontuou o presidente da Fundação Aperam Acesita, Venilson Vitorino.

BNCC e Currículo Socioemocional

Desde a Constituição Federal de 1988 e da LDB – Lei de Diretrizes e Bases da Educação de 1996, a Educação brasileira esperava por uma Base Nacional Comum que fosse capaz de alinhar a comunicação das instituições educacionais em todo o território. A BNCC, portanto, foi homologada em 2017, com prazo para estudos e qualificações dos profissionais para sua efetiva implementação no ano de 2020.

Em 2018, Minas Gerais publicou o CRMG – Currículo Referência de Minas Gerais – que junto com a BNCC formam o Currículo Socioemocional. O desafio a partir daí passa a ser dos municípios que devem começar o próximo ano adequados a essas novas legislações. Este é, portanto, um ano de transição e adequação para os municípios.

 

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *