Galo vence o América e sobe para o terceiro lugar do Campeonato Mineiro

REDAÇÃO – Pressionado pelos recentes resultados ruins e ainda sem ter definido o seu técnico para a sequência da temporada, o Atlético Mineiro deu um passo para diminuir a sua crise neste domingo. No Independência, em um jogo com decisões polêmicas da arbitragem liderada por Igor Júnio Benevenuto e dois gols de Róger Guedes, o time superou o América por 3 a 0, em duelo válido pela sétima rodada do Campeonato Mineiro.

O triunfo levou o Atlético aos 11 pontos, em terceiro lugar no torneio estadual, a dois do próprio América. Na próxima quarta-feira, o time vai até João Pessoa para enfrentar o Botafogo da Paraíba, em duelo válido pela segunda fase da Copa do Brasil.

Sem técnico desde 9 de fevereiro, quando demitiu Oswaldo de Oliveira, o Atlético vem sendo dirigido desde então pelo auxiliar técnico Thiago Larghi, com a diretoria até cogitando a possibilidade de efetivá-lo, o que só deverá ocorrer em caso de bons resultados. O primeiro deles foi conquistado neste domingo, quando ele apostou na entrada de Róger Guedes no setor ofensivo.

A partida começou com maior domínio da posse de bola do América, que trocava passes no campo de ataque, mas, de fato, o time só foi perigoso em uma cobrança de falta de Luan, que passou por cima da meta defendida por Victor. Ao menos nos 20 minutos iniciais, o Atlético não fazia nada muito melhor, pois a saída para o ataque era lenta, o que facilitava a marcação adversária.

Na segunda metade do primeiro tempo, porém, o panorama se alterou. E contando com a velocidade de Róger Guedes e Erik, o Atlético respondeu às cobranças da torcida com lances perigosos e que envolveram a defesa adversária até o time abrir vantagem no Independência.

Aos 23 minutos, Róger Guedes encontrou Erik na grande área. O atacante driblou Aylon, mas finalizou mal. Outra chance surgiu aos 34. Dessa vez, Róger Guedes tabelou com Elias e finalizou para difícil defesa de Glauco. Depois, aos 42, o goleiro americano defendeu uma finalização perigosa de Erik.

AMÉRICA-MG: Glauco; Norberto, Messias, Rafael Lima, Giovanni; Zé Ricardo, Juninho, Serginho (Marquinhos); Aylon (Renan Oliveira), Luan (Carlinhos), Rafael Moura. Técnico: Enderson Moreira

ATLÉTICO-MG: Victor; Patric, Leonardo Silva, Gabriel, Fábio Santos; Adilson, Elias, Otero (Tomás Andrade); Róger Guedes, Erik (Cazares), Ricardo Oliveira. Técnico: Thiago Larghi

OUTROS JOGOS DA RODADA

O Tupi venceu o URT, por 2 a 0, no Estádio Zama Maciel, e subiu para a 7ª posição na tabela do Campeonato Mineiro, com 9 pontos. O URT, por outro lado, caiu para a 9ª colocação, com 8 pontos.

O Patrocinense derrotou a Caldense, por 2 a 0, no Ronaldão. Com o resultado, a Águia alcançou o 8º lugar, com 9 pontos na competição. Já o Verdão, com 8 pontos, assumiu a 10ª posição e se aproximou da zona da degola.

 

 

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *