Contadores de Fabriciano participam de campanha do FIA

FABRICIANO – A Prefeitura de Coronel Fabriciano, por meio da Secretaria de Governança de Assistência Social, realizou nesta segunda-feira, 09, o segundo café da tarde com contadores para falar sobre o Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente- FIA. O encontro teve como objetivo apresentar os projetos investidos em 2017, a forma de pleitear recursos para esses projetos, o saldo orçado para o desenvolvimento das ações de 2018 e reforçar a parceria com os contadores.

Além dos profissionais da área contábil, participaram autoridades locais, representantes de entidades e do legislativo para acompanhar ações que o executivo está realizando. Atualmente, 09 entidades cadastradas no Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (CMDCA) são beneficiadas diretamente pelo recurso em Fabriciano, comtemplando cerca de 500 pessoas.

No ano de 2017 a Assistência Social recebeu cerca de R$ 200 mil (duzentos mil reais) para investir em projetos para crianças, adolescentes. “Atender essas entidades para nós é muito gratificante, porque significa crianças e adolescentes fora da rua, famílias sendo protegidas e atendidas na tarefa do desenvolvimento infantil, empregabilidades para profissionais da área social que estão hoje realizando projetos sociais dentro da cidade e empoderamento das entidades sociais na prestação de serviços na área da saúde, educação, cultura, lazer e da própria Assistência Social. Esperamos poder atender mais entidades este ano,” afirma a Secretária de Governança de Assistência Social, Patrícia Dias.

FIA

FIA é um Fundo Público que tem como objetivo financiar projetos que atuem na garantia da promoção, proteção e defesa dos direitos da criança e do adolescente. Os recursos são aplicados exclusivamente nesta área com monitoramento do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente – CEDCA. O contribuinte pode decidir se destina a verba para o bolo de arrecadação do Governo Federal ou deixar no município para serem aplicados diretamente em projetos para crianças, adolescentes e idosos; podendo o contribuinte fiscalizar e acompanhar de perto os trabalhos das instituições onde seu Imposto de Renda está sendo investido. As pessoas físicas podem participar fazendo a doação de 3% até 30 de abril no ato da entrega da declaração completa. O ano base da receita federal ainda é o ano de 2017, os fundos podem capitar dentro deste ano até 3%.

O vereador Cristiano do Cais e representante do Centro de Artes e Inclusão Social, entidade parceira da Assistência Social e que desenvolve projetos Sociais pelo FIA, esteve presente no encontro e falou da importância destas parcerias. “Todos nós precisamos nos sensibilizar para entender a valia em destinar nosso imposto de renda para as políticas da infância e adolescência do município e esse recurso também movimenta a economia da cidade. As pessoas podem acompanhar de perto onde está sendo investido seu dinheiro, pois após ser feita está doação é aberto o edital de chamamento público para que as entidades possam participar e o Controle Social fiscaliza o investimento deste recurso, tendo as entidades que prestar contas, e os cidadãos ainda podem conhecer o trabalho, fazendo uma visita à instituição,” conclui. ​

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *