Comissão Especial na Câmara de Ipatinga vai analisar irregularidades na Escola Técnica Vale do Aço

IPATINGA – A Câmara Municipal de Ipatinga publicou portaria (nº 75/18) que cria uma Comissão Especial para averiguar as irregularidades cometidas pela Escola Técnica Vale do Aço, cujo endereço era no bairro Jardim Panorama. Alunos que cursaram o ensino médio na escola entre os anos de 2002 e 2016 correm risco de terem os diplomas anulados. Isso porque a instituição de ensino não tinha autorização da Secretaria Estadual de Educação para oferecer aulas de Ensino Médio. A autorização valia apenas para cursos técnicos. Segundo o Governo Estadual, a escola terá de responder civilmente pelos danos aos alunos, tendo inclusive que devolver o dinheiro investido pelos estudantes.

A Comissão Especial da Câmara será composta pelas vereadoras Lene Teixeira, Rita de Cássia – Cassinha e o vereador Francklin Meireles. A proposta da comissão é acompanhar a situação dos estudantes e procurar uma solução com a Secretaria Estadual de Educação para que eles não saiam prejudicados, já que a culpa é unicamente da instituição de ensino.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *