288 unidades habitacionais serão construídas em Fabriciano. Serão investidos R$ 21,6 milhões

Serão 15 prédios com 4 e 5 pavimentos, construídos com paredes de concreto e forma metálica de alumínio, o que dá agilidade e qualidade para as unidades habitacionais. Os imóveis têm 45 metros quadrados e contam com 2 quartos, sala, cozinha, banheiro, área de lazer social e toda a infraestrutura necessária de água e esgoto.

FABRICIANO – A Prefeitura de Coronel Fabriciano, por meio da Secretaria de Governança Urbana, Planejamento e Meio Ambiente, assinou nessa terça, 20, contrato para construção de 288 unidades habitacionais no bairro Contente. O convênio de R$21 milhões e 600mil reais foi firmado com a Caixa Econômica Federal e vai gerar aproximadamente 300 empregos diretos e indiretos nas diversas fases da construção.

Os imóveis irão beneficiar famílias que recebem aluguel social da Prefeitura e, também, famílias de baixa renda. As obras começam nos próximos dias e serão realizadas pela BXTREN Empreendimentos Imobiliários. As unidades habitacionais fazem parte do Programa Minha Casa Minha Vida, do Governo Federal, na faixa 1.

Fabriciano não recebe investimentos habitacionais desse tipo desde a década de 80, quando foram construídos os bairros Silvio Pereira 1 e 2. Ao todo, a cidade possui déficit habitacional de aproximadamente 4.000 imóveis. O prefeito Dr. Marcos Vinicius destaca a importância dessa conquista para a geração de renda na cidade, conforto e dignidade para as famílias que necessitam. “São as primeiras 288 unidades habitacionais das quase 1000 que estamos buscando para Coronel Fabriciano. Várias cidades se inscreveram e poucas conseguiram efetivar esse convênio. Apresentamos qualidade técnica e estamos trabalhando com uma empresa que tem credibilidade e solidez no mercado”.

O investimento tem prazo de execução de 2 anos, porém, a administração municipal espera que as obras terminem antes do previsto. “A empresa será penalizada se passar desse prazo, mas já sabemos que ela pode entregar em 14 meses. Tem famílias esperando há quase uma década e estamos empenhados em reconstruir essa filosofia de projetos habitacionais que havia esquecido na cidade”, conclui o prefeito Dr. Marcos Vinicius.

O Superintendente Regional Leste da Caixa Econômica Federal, Carlos José Veiga, falou sobre a importância do esforço que a administração municipal fez para conseguir viabilizar essas unidades habitacionais. “Nós tivemos 12 seleções em nossa região e nem todas as prefeituras conseguiram viabilizar o empreendimento. Esse esforço que Fabriciano fez nos motiva a trabalhar ainda mais para conseguir as outras 500 unidades habitacionais que a cidade merece”, afirma.

Serão 15 prédios com 4 e 5 pavimentos, construídos com paredes de concreto e forma metálica de alumínio, o que dá agilidade e qualidade para as unidades habitacionais. Os imóveis têm 45 metros quadrados e contam com 2 quartos, sala, cozinha, banheiro, área de lazer social e toda a infraestrutura necessária de água e esgoto. O diretor da Trena Construtora, José Ronaldo, afirma que a empresa vai buscar profissionais locais para a obra. “Vamos buscar profissionais com qualificação e perfil que a empresa precisa. O prazo já está correndo, vamos montar um escritório na cidade e iniciar as contratações. As vagas serão divulgadas no SINE, Prefeitura e outros meios”, conclui. ?

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *