Prefeito Marcos Vinícius assina Termos de Colaboração para projetos de assistência social

FABRICIANO – As entidades que prestam serviços de assistência social em Coronel Fabriciano assinaram nessa terça-feira, 23, os Termos de Colaboração com o município. Juntas, 4 instituições vão receber R$ 1.092.057,36 em recursos do Governo Federal, Estado e Município. As entidades atenderam ao chamamento público realizado pela Secretaria de Governança de Assistência Social e cumpriram as rigorosas normas do novo Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil (MROSC).O Termo de Colaboração é condição para que os recursos sejam liberados e as instituições possam trabalhar. Pessoas com deficiência, crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade, entre outros, agradecem.

Quatro instituições colocam a mão no dinheiro de imediato: Casa de Artes e Inclusão Social (CAIS),Instituto Presbiteriano do Vale do Aço (IPREVAL), Associação Papa João XXIII e a Fundação Comunitária Fabricianense (Funcelfa). O edital 002 para escolha da entidade que atenderá ao idoso está sendo fechado.

A Secretária de Governança de Assistência Social, Patrícia Dias, o prefeito, Dr. Marcos Vinícius e um representante de cada instituição assinaram os documentos. Patrícia esclareceu que a cidade se antecipou na preparação para enquadramento das instituições no MROSC.“Temos que valorizar todo empenho das entidades, da equipe técnica da secretaria, de todo apoio que tivemos do prefeito que nos deu liberdade para fazer tudo que foi possível para implementar o Marco Regulatório na cidade”, disse. Opinião compartilhadapelo vereador e representante da Casa de Artes, Cristiano do Cais. “Assim que o prefeito ganhou as eleições, convocamos uma reuni/ao com as entidades para alertar os prestadores de serviços da necessidade de conhecer a lei e se adequarem, lembrou. Segundo Cristiano, os recursos vão mexer também com a economia da cidade, beneficiando mais de 600 pessoas diretamente e possibilitando geração de empregos na área de assistência social.

A Funcelfa, fundada há mais de 40 anos com objetivo de reintegrar crianças e adolescentes as suas famílias, comemora a liberação da maior fatia de investimentos, R$672 mil. João Damasceno, representante da entidade, reconhece o esforço da administração municipal em manter o trabalho. “Temos que agradecer a prefeitura porque temos apoio do poder público. Tivemos muitas dificuldades no inicio do ano passado e o município manteve com recurso próprio. Agora podemos fortalecer as ações”, ressalta.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *