sexta-feira, julho 19, 2024
DestaquesMeio Ambiente

CENIBRA impede propagação de incêndio florestal na BR-381, em área de mata nativa, vizinha ao Projeto Abrecampo

REDAÇÃO – Um incêndio florestal poderia ter tomado grandes proporções e afetado os moradores de São Gonçalo do Rio Abaixo e João Monlevade e a biodiversidade local se não fosse a atuação rápida e precisa da CENIBRA.

Focos de incêndios próximos às margens da BR-381, em área de mata nativa vizinha ao Projeto Abrecampo, foram identificados por um colaborador da Empresa, que imediatamente alertou a equipe do CFTV.

Após acionar o Corpo de Bombeiros Militar e a Polícia Militar, a CENIBRA apoiou as ações de contenção do alastramento do incêndio com o fornecimento de pessoas, equipamentos e caminhões-pipas. As chamas se propagaram a partir de fogo ateado em uma pilha de lixo deixada à margem da rodovia.

Cássio Alves Gomes, supervisor de Proteção Florestal, ressalta a importância da conscientização sobre o descarte inadequado de lixo. “Além de causar danos ao meio ambiente e colocar em risco a vida das pessoas e dos animais, essa prática irresponsável pode resultar em incêndios de grandes proporções”, destacou.

As condições climáticas do momento favoreciam a propagação indiscriminada do incêndio, que foi controlado pela atuação das equipes de combate, com o apoio indispensável da CENIBRA.

O incendiário foi identificado e conscientizado sobre os danos socioambientais da prática, um crime previsto no Código Penal (Art. 250) que pode acarretar multa e detenção.

CFTV

A CFTV é a central de monitoramento da CENIBRA equipada com mais de 550 câmeras e dotada de recursos tecnológicos avançados. Possui uma infraestrutura que não apenas aumenta a segurança dos colaboradores, mas também protege o ativo da Empresa e detecta focos de incêndio florestal. Conta também com drones, unidade de observação móvel e câmeras de detecção automática.

Sobre a CENIBRA

Constituída em 13 de setembro de 1973 e localizada no leste de Minas Gerais, a Celulose Nipo-Brasileira S.A. (CENIBRA) opera com uma unidade industrial no município de Belo Oriente (MG) com duas linhas de produção de celulose branqueada de fibra curta de eucalipto e capacidade instalada de 1.200.000 toneladas/ano. A Empresa está presente em 54 municípios mineiros, com cerca de 8 mil colaboradores próprios e terceiros. Possui uma Central de Monitoramento que funciona 24 horas e conta com uma equipe dedicada a identificar e localizar focos de incêndio em sua base florestal.

 

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *