terça-feira, março 5, 2024
DestaquesPolítica

Para quem não teve valor ‘esquecido’ nos bancos nesta segunda, poderá tentar de novo em maio

REDAÇÃO – Quem fez a consulta a valores esquecidos nos bancos e foi informado de que não tinha nada a receber terá de repetir o procedimento nos próximos meses. Em maio, o Banco Central (BC) ampliará a base de dados para incluir novos tipos de saldos residuais.

A primeira etapa da consulta, que começou nesta segunda-feira (14) no site do Banco Central (valores a receber), prevê a devolução de R$ 3,9 bilhões para 28 milhões de pessoas físicas ou de empresas com valores não sacados.

O dinheiro vem das seguintes fontes:

  • Contas-correntes ou poupanças encerradas e não sacadas
  • Cobranças indevidas de tarifas ou de obrigações de crédito previstas em termo de compromisso assinado com o BC
  • Cotas de capital e rateio de sobras líquidas de associados de cooperativas de crédito
  • Grupos de consórcio extintos

A segunda etapa do serviço, prevista para começar em maio, permitirá a consulta para a devolução de mais R$ 4,1 bilhões.

Serão incluídos os seguintes valores:

  • Cobranças indevidas de tarifas ou obrigações de crédito não previstas em termo de compromisso
  • Contas de pagamento pré-paga e pós-paga encerradas e com saldo disponível
  • Contas encerradas em corretoras e distribuidoras de títulos e de valores mobiliários
  • Demais situações que resultem em valores a serem devolvidos reconhecidas pelas instituições financeiras

Balanço parcial
Segundo o Banco Central, até as 12h desta segunda (14), cerca de 20 milhões de pessoas físicas e de empresas haviam consultado a nova plataforma. Diferentemente do sistema anterior, que ficava no ambiente Registrato (site que informa a relação entre correntistas e as instituições financeiras), o novo site exigirá a criação de uma conta nível prata ou ouro no portal Gov.br para autorizar a retirada, caso tenha valores esquecidos.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *