Inscrições para integrar Rede de Sementes e Mudas se encerram no próximo dia 31 de julho

Redação – As inscrições do edital que vai selecionar interessados em integrar a Rede de Sementes e Mudas da Bacia do Rio Doce foram prorrogadas para o dia 31 de julho. Podem se inscrever pessoas ou grupos formalizados em associações, cooperativas, ou outro tipo de organização local, com ou sem CNPJ.

A prioridade é selecionar pessoas que estejam localizadas na área de abrangência da bacia do rio Doce e tenham conhecimento das espécies nativas da região e proximidades a fim de atuar nas atividades de coleta de sementes e produção de mudas.

A Rede de Sementes e Mudas da Bacia do Rio Doce é uma iniciativa da Fundação Renova em parceria com Centro de Pesquisas do Nordeste (Cepan), com a colaboração da Universidade Federal de São Carlos, da Associação Rede de Sementes do Xingu e do Instituto Federal de Minas Gerais – Campus Governador Valadares.

Para participar do edital, o interessado deverá enviar a ficha de inscrição preenchida (individual, caso seja pessoa física, ou em grupo, caso seja uma associação, cooperativa ou grupo informal interessado em ingressar) para o Cepan, por e-mail (cepan@cepan.org.br) ou via postal, para o endereço: rua Prudente de Moraes, 616, Centro, Governador Valadares (MG), CEP: 35020-460.

A Redes de Sementes e Mudas tem o papel estratégico de mobilizar atores sociais envolvidos dentro das atividades de coleta de sementes e produção de mudas, a fim de gerar oportunidades econômicas para o atendimento das demandas de restauração florestal. O projeto trabalha, também, a figura do coletor de sementes, ao apresentar mais uma possível atividade laboral para os futuros integrantes da rede, e a consolidação de mais uma opção de metodologia de recuperação de áreas degradadas na bacia do rio Doce, que é a semeadura direta, com potencial de redução de custos e ganho de escala para a restauração florestal.

O projeto da Rede de Sementes ajudará na missão de restaurar 5 mil nascentes e 40 mil hectares de APPs. Ele está inserido especialmente nas áreas onde estão sendo desenvolvidos os Programa de Recuperação de Nascentes, Áreas de Preservação Permanente (APP) e de recarga hídrica da Fundação Renova.

Com a grande demanda de sementes e mudas para esses programas, esse projeto tem o objetivo de criar e incubar uma rede que movimente a cadeia de fornecimento de sementes e mudas, de forma que a deixar essa iniciativa como um legado. A proposta é que a Rede possa vender sementes e mudas não só para a Fundação Renova, mas, também, para compradores de outros estados do Brasil com abrangência do bioma Mata Atlântica e fitofisionomias associadas.

Sobre a Fundação Renova

A Fundação Renova é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos, constituída com o exclusivo propósito de gerir e executar os programas e ações de reparação e compensação dos danos causados pelo rompimento da barragem de Fundão.

A Fundação foi estabelecida por meio de um Termo de Transação e de Ajustamento de Conduta (TTAC), assinado entre Samarco, suas acionistas Vale e BHP, os governos federal e dos estados de Minas Gerais e do Espírito Santo, além de uma série de autarquias, fundações e institutos (como Ibama, Instituto Chico Mendes, Agência Nacional de Águas, Instituto Estadual de Florestas, Funai, Secretarias de Meio Ambiente, dentre outros), em março de 2016.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *