Tratamento do esgoto de Fabriciano em Timóteo será tema de consulta popular. Segue coleta de assinaturas no setor 7

TIMÓTEO – Os vereadores Moacir de Castro, Fabio Campos Binha e Ivair Guimarães, informaram nesta quarta-feira (18), que estão coletando assinatura na Regional Leste da cidade de Timóteo, visando provocar o Ministério Público, contra a decisão da Companhia de Saneamento Básico de Minas Gerais (COPASA), em promover unificadamente o tratamento de esgoto da cidade de Coronel Fabriciano, na Estação de Tratamento da cidade de Timóteo. Os vereadores na verdade querem que o assunto seja levado a uma consulta popular, de acordo com o Art. 64, da Lei Orgânica municipal.

Os parlamentares entendem que a decisão de tratar o esgoto da cidade vizinha de Coronel Fabriciano, em Timóteo, deveria ter sido levada a apreciação do Legislativo. “Vamos coletar as assinaturas necessárias para que a consulta popular possa ser implantada. Caso contrário vamos encaminhar o assunto ao Ministério Público”, disse Moacir de Castro, ressaltando que o assunto merece maior clareza, visto que até o momento ninguém sabe informar “de onde partiu a autorização para o tratamento unificado do esgoto”.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *