Servidores de Ipatinga aderem em massa a plano para quitação de férias

IPATINGA – Centenas de servidores municipais de Ipatinga retiraram seus formulários pela Internet (no site www.ipatinga.mg.gov.br) ou diretamente no posto de atendimento montado no hall de entrada da Prefeitura, nesta quinta-feira (8), para aderir ao plano de parcelamento do pagamento de férias atrasadas oferecido pela atual administração. Nada menos do que 4.291 funcionários foram penalizados pelo governo anterior, nos últimos anos, com a não quitação dos benefícios devidos.

O programa de pagamentos definido pelo prefeito juntamente com sua assessoria contempla os servidores com parcelamentos dos valores devidos de acordo com faixas salariais. As condições são resultado de um estudo de viabilidade financeira. O prazo para adesão vai até o dia 28 de março próximo.

Três férias atrasadas

A técnica em Enfermagem Lídia Rodrigues Menezes, que esteve no hall da Prefeitura para aderir ao plano de parcelamento do pagamento das férias atrasadas, nesta quinta, disse que tomou conhecimento da medida por meio de reportagem publicada na Internet. “Tenho três férias vencidas, não recebi nem em 2014, nem em 2015 e tampouco em 2016. Sei que alguns servidores têm ainda mais anos pendentes”, disse ela, para comentar em seguida: “Para mim, em particular, esse atraso representou perda de oportunidades importantes e também dificuldades, porque férias é um dinheiro que a gente sempre conta com ele para uma viagem ou mesmo para fazer frente a gastos com alguma doença, já que não é tão fácil ter um plano de saúde. Normalmente a gente conta com o recurso ao fim de cada ano de trabalho e, com o não recebimento, se vê na contingência de mudar os planos. Este pagamento, agora, é positivo, com certeza é muito bom”, avaliou.

servidora férias

A TÉCNICA de enfermagem Lídia contou que deixou de receber as férias por três anos, sacrificando viagens que poderia ter feito

Regularização

O governo Quintão já pagou aos funcionários um montante de R$ 7 milhões e 821 mil relativo às férias herdadas do mandato anterior, mais R$ 10 milhões e 600 mil de férias referentes ao atual mandato, totalizando um desembolso de mais de R$ 18 milhões e 421 mil. Há, ainda, cerca de R$ 13 milhões e 178 mil não pagos pelo governo anterior, cujo total a nova Administração municipal está se propondo a quitar agora num plano de seis a 30 parcelas. Para receber os valores devidos, basta que o servidor assine a adesão. O atendimento prossegue nesta sexta (9), de 12h às 18h.

As parcelas

O plano de quitação das férias atrasadas prevê o início dos pagamentos já neste mês de março. Um total de 1.733 funcionários que ganham até R$ 2 mil de salário receberão em 6 parcelas os valores devidos. Aqueles 1.687 servidores que ganham acima de R$ 2 mil até R$ 4 mil receberão em 12 parcelas. São 399 funcionários que ganham acima de R$ 4 mil até R$ 6 mil de salário, e estes recebem em 20 parcelas. Outros 231 servidores que estão na faixa acima de R$ 6 mil até R$ 8 mil recebem em 24 vezes. Os 241 funcionários que têm salários acima de R$ 8 mil podem receber o pagamento das férias atrasadas em 30 parcelas.

férias acordo com servidores 2018

O MAIOR número de servidores beneficiados está na faixa salarial até R$ 2 mil: eles receberão em 6 parcelas

 

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *