Em comparação a 2017, Câmara de Timóteo registra aumento no gasto de diárias de viagens

TIMÓTEO – O Ministério Público da Comarca de Timóteo investiga o gasto de diárias de viagens dos 15 vereadores de Timóteo. A promotora de Justiça chegou a notificar o presidente da Câmara de Timóteo, Adriano Costa Alvarenga, para apresentar documentos que possam justificar tais gastos. Não fomos informados se houve a assinatura de um TAC.

GASTOS 

No ano passado (2017) a Câmara gastou R$ 147.287,00 com diárias, sendo R$ 95.202,03 com vereadores, e R$ 52.754,00 com servidores.

Já o ano de 2018, o gasto com as diárias subiu para R$ 166.165,72. Com os vereadores os gastos foram reduzidos para 92.894,40, mas em contrapartida, o gasto com servidores aumentou em R$ 20.955,72, ou seja, pulou de 52.754,00 para R$ 73.709,72.

JBN entrou em contato com o procurador e com o chefe administrativo da Câmara de Vereadores de Timóteo. O administrador José Constantino Filho, disse que o assunto está a cargo da Procuradoria Geral da Casa Legislativa.

O procurador Heider Torre informou que o Ministério Público solicitou algumas informações sobre a legislação que orienta o pagamento das diárias na Câmara de Timóteo, bem como a prestação de contas.

Até o fechamento desta matéria não havíamos conseguido apurar se a Câmara de Timóteo enviou ao Ministério Público os questionamentos até então solicitados. Nos próximos dias estaremos publicando os gastos de diárias em outras Câmaras de Vereadores do Vale do Aço.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *