Caminhão de lixo atola em asfalto recomposto pela Copasa

TIMÓTEO – As Ruas de Timóteo, apesar dos investimentos a meia boca realizados ao longo dos anos em pavimentação, podem ser comparadas a um tabuleiro de pirulitos. Essa contribuição para tal comparação vem da Companhia de Saneamento Básico de Minas Gerais – Copasa, que abre os buracos, recompõe o pavimento de qualquer jeito – sem fiscalização da prefeitura, abandona as vias com afundamentos diversos.

A empresa que detém a concessão de água e esgoto no município, faz das ruas da cidade de Timóteo o que bem entende. A falta de fiscalização da PMT para com os serviços executados é um fator que merece analise da atual administração.

A imagem do que estamos falando foi registrada na manhã deste sábado (20), na Rua Antônio Silva, no Bairro Quitandinha. O caminhão de lixo da empresa Vina ficou atolado no asfalto, próximo a um ‘PV’, onde a Copasa havia realizado uma recomposição de pavimento.

O acidente na Rua Antônio Silva não é diferente de outros pontos da cidade. A empresa realiza as obras, improvisa uma recomposição do pavimento, que em pouco tempo apresenta um problema.

Se a Prefeitura continuar alisando a cabeça desta empresa, a população será prejudicada várias vezes: paga IPVA para rodar em ruas esburacadas; paga água com torneiras secas; paga tratamento de esgoto e não tem esgoto tratado. Absurdos que prejudicam a população, sem uma reação a altura das nossas autoridades constituídas. Pronto Falei!

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *