Auxiliares de serviços educacionais participam de capacitação

TIMÓTEO – A Fundação Aperam Acesita e a Prefeitura Municipal de Coronel Fabriciano, por meio da Secretaria de Governança Educacional, realizaram nesta semana o Encontro de Equipes de Auxiliares de Serviços Educacionais. O evento, que aconteceu na quarta(30) e na quinta-feira(31), no teatro da Fundação, faz parte do Programa de Melhoria da Qualidade do Ensino. Ao todo, o evento capacitou 200 profissionais que atuam na rede municipal de ensino de Fabriciano.

O encontro nasceu da visão de que todos dentro de uma escola são responsáveis pela melhoria da qualidade do ensino e devem exercer o papel de educador, tem como objetivo oportunizar aos participantes um momento de reflexão e convivência. “A educação está além da sala de aula, o ambiente escolar deve proporcionar trocas, e é isso que queremos oportunizar nesse encontro. Todos que atuam no ambiente escolar colaboram para a formação de cidadãos, seja ele em qual função for”, destaca o presidente da Fundação Aperam Acesita, Venilson Vitorino.

O tema do evento foi “Conhecimentos e atitudes transformadoras”, vários assuntos foram abordados como alimentação saudável e motivação no trabalho estiveram em pauta. De acordo com o Secretário de Educação de Coronel Fabriciano, o professor Carlos Alberto Serra Negra, a capacitação é fundamental para o desenvolvimento de um trabalho sério e de qualidade no ensino da rede pública. “Esses profissionais que estão aqui hoje são peça fundamental no trabalho que vem sendo desenvolvido. Se todos colaboradores da escola realizarem um bom trabalho, formaremos pessoas melhores para um futuro próximo”, destaca o secretário.

A auxiliar Lúcia Carvalho, que trabalha Escola Municipal José de Alencar, participou da capacitação. Para ela, os assuntos como alimentação de qualidade e desperdício de água foram temas importantes abordados. “Pra gente, é sempre bom renovar o cardápio, com novas opções e formas de fazer, além de ter ideias para pratos mais saudáveis. O desperdício de água é algo em que a gente também deve ficar mais atento. Iniciativas como essa nos valoriza como profissional da educação, afinal, participamos da comunidade escolar”, conclui Lúcia.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *