Plano de quitação das férias atrasadas tem 99% de adesão

IPATINGA – No princípio de março, a Administração municipal de Ipatinga apresentou ao funcionalismo público um plano para pagar de forma parcelada as milhares de férias vencidas e não quitadas pelo governo anterior, situação que gerava frustração a muitas famílias. Nada menos do que 2.215 funcionários foram penalizados com os atrasos. O termômetro da aprovação da medida do atual governo é agora conhecido: 99% dos funcionários aderiram à proposta.

Desde que assumiu, o governo Quintão mantém em dia as férias atuais dos funcionários, já tendo destinado R$ 10 milhões e 600 mil para este fim. Além disso, a Administração atual já pagou R$ 7 milhões e 821 mil herdados do mandato anterior. Com o plano de parcelamento de pagamentos, serão destinados aos servidores outros R$ 13 milhões e 178 mil não quitados pelo governo anterior nos últimos anos.

Os interessados foram convidados a preencher uma declaração de anuência ao parcelamento do pagamento de férias vencidas disponível no site da Prefeitura Municipal de Ipatinga (www.ipatinga.mg.gov.br), ou no setor de Recursos Humanos, no 3° andar, para pegar a declaração.

Parcelamento

O plano de quitação das férias atrasadas se baseou em estudo de viabilidade financeira feito por técnicos da Administração municipal. O programa de pagamentos definido pelo prefeito juntamente com sua assessoria contempla os servidores com parcelamentos dos valores devidos de acordo com faixas salariais.

Pagamento

Pagamento em 6 parcelas – salários até R$ 2 mil; 12 parcelas – salários acima de R$ 2 mil até R$ 4 mil; 20 parcelas – salários acima de R$ 4 mil até R$ 6 mil; 24 parcelas – salários acima de R$ 6 mil até R$ 8 mil; 30 parcelas – salários acima de R$ 8 mil.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *