quinta-feira, julho 25, 2024
CidadesDestaques

Iniciativas contempladas pelo Programa de Eficiência Energética da Cemig vão receber mais de R$13,6 milhões para execução

REDAÇÃO – Melhoria e modernização da iluminação pública, substituição de equipamentos ineficientes por outros mais eficientes e a instalação de fontes de geração de energia incentivadas. Esses são os objetos dos projetos de eficiência energética, aprovados na chamada pública realizada pela Cemig no final de 2021, que tiveram autorização para início de suas execuções. Para marcar o começo da implantação desses projetos, foi realizada, nessa quinta-feira (09/06), uma solenidade no salão nobre da sede da Cemig com representantes da companhia e das instituições contempladas.

Ao todo, serão mais de R$13,6 milhões investidos pela empresa em 16 projetos contemplados com iluminação interna e iluminação pública, troca de motores, sistema fotovoltaico e condicionamento ambiental. O superintendente de Proteção da Receita da Cemig, Luciano Cavalcante, e o gerente de Eficiência Energética, Ronaldo Lucas, participaram da agenda, além de funcionários de diferentes áreas da empresa.

O superintendente da Cemig destacou a importância das iniciativas desenvolvidas dentro do Programa de Eficiência Energética (PEE) da companhia e o alcance das chamadas públicas realizadas pela área para atração de investimentos. “O PEE tem como objetivo principal reduzir o desperdício de energia. Entre as várias ações da eficiência energética, a forma mais democrática de disponibilização dos recursos para a implantação de iniciativas com esse foco é a chamada pública, uma vez que toda a sociedade tem oportunidade de acesso”, enfatizou.

Luciano Cavalcante parabenizou os projetos aprovados e reforçou a necessidade de as instituições estarem sempre participando das chamadas públicas, inscrevendo suas propostas. “Nós queremos que vocês retornem cada vez mais. Ano a ano, que vocês estejam aqui. Venham de novo. Submetam mais projetos. E que também tragam outras entidades e instituições que possam se beneficiar com essa iniciativa”, ressaltou.

Participação

A chamada pública teve como objetivo a participação de clientes livres e cativos, conectados ao sistema de distribuição da Companhia e cujas propostas de projeto se enquadraram em uma das seguintes tipologias: industrial, residencial (itinerante), comércio e serviços, poder público, serviço público, rural e iluminação pública.

Entre os contemplados estão a Copasa, o SAAE de Boa Esperança, os Correios, o Hospital das Clínicas de Belo Horizonte, a Santa Casa de São João Del Rei e a Sociedade Educacional Uberabense, além de diversas prefeituras como Almenara, Candeias, Divinópolis, entre outras. Um destaque nesta edição é que, pela primeira vez, a Cemig vai aportar recursos em um projeto aprovado no chamamento público que atenderá a sua maior classe consumidora, a residencial.

O Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) foi contemplado na chamada pública com a instalação de uma usina fotovoltaica em um de seus anexos, responsável pelo atendimento da saúde do idoso, da mulher e doenças do sistema digestivo. Para o superintendente da unidade, professor Alexandre Rodrigues Ferreira, a implantação dessa proposta vai possibilitar uma grande redução nos custos com energia para o hospital, além de permitir um trabalho contínuo de conscientização sobre o tema.

“A possibilidade de estabelecer esse projeto vai nos trazer uma economia de quase 80% dos gastos de energia dentro desse prédio. Isso é importante porque somos um hospital universitário, uma instituição de ensino. Passam anualmente pelo hospital em torno de 2,5 mil alunos de diversos cursos da saúde. A gente forma em torno de 300 profissionais de residência, tanto de médica quanto de enfermagem. Esses profissionais ficam cientes e eles levam também, não só o conhecimento da assistência, mas, principalmente, a sua consciência quanto as energias renováveis, a sustentabilidade na preservação do meio ambiente. Então, isso vai além do recurso. É uma forma de educar também”, afirmou.

Mais de 100 projetos aprovados

A Chamada Pública de Projetos de Eficiência Energética é uma iniciativa da Cemig, em conjunto com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que ocorre anualmente desde 2015. Com a edição de 2021, já são mais de 100 iniciativas aprovadas, beneficiando, principalmente, prefeituras e serviços públicos, como universidades e hospitais.

O prefeito de Itajubá, no Sul de Minas, Christian Gonçalves Tiburzio e Silva, agradeceu a parceria e destacou a atuação da Cemig para o desenvolvimento de iniciativas importantes para as cidades do interior. “E hoje, nós estamos sendo contemplados por esse chamamento público. Isso muito nos alegra porque a gente leva a energia até a nossa população. A gente pode atender o nosso povo. A gente fica muito feliz com esse tipo de trabalho, esse tipo de oferta da Cemig, atendendo a todos os municípios”, comentou.

Seleção de projetos em 2022

A cerimônia, que marcou o início da execução dos projetos aprovados na chamada pública de 2021, celebrou, também, o anúncio da Cemig de que a edição 2022 da chamada pública de projetos de eficiência energética será publicada no mês de julho. Serão cerca de R$50 milhões destinados para a execução de novos projetos. Assim, é importante que os interessados fiquem atentos aos prazos que serão em breve divulgados para apresentarem suas propostas no próximo mês.

Programa de Eficiência Energética

Além do desenvolvimento dos projetos aprovados em chamada pública, o Programa de Eficiência Energética possui outros subprogramas: Cemig nas Cidades, Cemig nos Hospitais, Cemig no Campo, Cemig nas Escolas e o Cemig nas Comunidades, além do Projeto Minas LED.

A iniciativa tem o objetivo de combater o desperdício de energia elétrica por meio da substituição de equipamentos ineficientes por outros mais eficientes e da introdução de medidas educativas para reduzir o desperdício e o valor da conta de energia. Além disso, oferece mais qualidade no trabalho do campo e garante cada vez mais segurança na área de saúde, nos municípios de concessão da empresa. Cada subprograma tem seu público específico e os detalhes podem ser conferidos no site da Cemig, no endereço www.cemig.com.br.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *