Encontro de Negócios reunirá fornecedores locais de GV e empresas que atuam na adutora

Redação – No próximo dia 25 de agosto, acontece o 1º Encontro de Negócios de Governador Valadares, que será realizado virtualmente pela área de Desenvolvimento Local da Fundação Renova, das 18h30 às 20h30. A iniciativa busca aproximar os fornecedores locais às empresas contratadas pela instituição para a construção da adutora.

O Encontro de Negócios tem ainda como objetivo aumentar o número de fornecedores locais e atingidos atuando junto a essas empresas, assim como promover a interação com empresários de diversos setores e empreendedores. Com isso, o evento poderá proporcionar aos fornecedores locais a oportunidade de se apresentarem, para que possam vender e negociar seus produtos e serviços a partir desse primeiro contato.

“Com o Encontro de Negócios, fornecedores e empresários da região poderão entender as principais demandas para a obra da adutora. Será uma oportunidade para fornecedores de setores como locação de veículos, máquinas e equipamentos, fornecimento de alimentação, aquisição de máscaras, material elétrico, hospedagem, concretos, estruturas metálicas, entre outros”, diz Jucilene Martins, analista de Desenvolvimento Local da Fundação Renova.

O Encontro de Negócios faz parte do Programa de Estímulo à Contratação Local, previsto no Termo de Transação e de Ajustamento de Conduta (TTAC), e reforça o compromisso da Fundação Renova com o desenvolvimento e fortalecimento da economia da região.

O evento será realizado em parceria com a DVF Consultoria, por meio do aplicativo Zoom. Empresários e fornecedores interessados em participar do Encontro de Negócios devem fazer a inscrição no link: https://www.sympla.com.br/encontro-de-negocios—governador-valadares__942090. Assim que a inscrição for confirmada, o interessado receberá por e-mail o link para participar do evento na sala do Zoom. As dúvidas podem ser enviadas para o e-mail jucilene.martin@fundacaorenova.org.

Sobre a Fundação Renova

A Fundação Renova é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos, constituída com o exclusivo propósito de gerir e executar os programas e ações de reparação e compensação dos danos causados pelo rompimento da barragem de Fundão.

A Fundação foi estabelecida por meio de um Termo de Transação e de Ajustamento de Conduta (TTAC), assinado entre Samarco, suas acionistas Vale e BHP, os governos federal e dos estados de Minas Gerais e do Espírito Santo, além de uma série de autarquias, fundações e institutos (como Ibama, Instituto Chico Mendes, Agência Nacional de Águas, Instituto Estadual de Florestas, Funai, Secretarias de Meio Ambiente, dentre outros), em março de 2016.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *