segunda-feira, março 4, 2024
DestaquesPolítica

Ordem de serviço para obras da MG-760 poderá ser dada até junho, informa o deputado Celinho

Redação – Como resultado da reunião remota realizada na Assembleia Legislativa de Minas com o Secretário da Fazenda, Gustavo Barbosa na quarta-feira (22/04), o deputado Celinho Sintrocel apresentou requerimento solicitando informações sobre as medidas que estão sendo preparadas, e aquelas em andamento, para a manutenção de investimentos em obras vitais para Minas Gerais, a exemplo da LMG-760, que já tem recursos liberados pelo Comitê Interfederativo da Renova para as obras que liga o Vale do Aço à Zona da Mata. No documento o deputado Celinho destaca a importância da rodovia para a região e a continuidade da obra.

O deputado tem realizado ainda contatos com o presidente da Fundação Renova, André de Freitas sobre o andamento do processo de repasse dos recursos anunciados pelo Comitê Interfederativo da Renova, no início deste ano (07/02) da ordem de R$ 128 milhões para as obras da MG-760 no trecho que liga o município de São José do Goiabal ao distrito de Cava Grande no município de Marliéria, com 57 km de extensão. Celinho lembra que o Comitê aprovou também um montante de R$ 12 milhões para as obras da Estrada Parque Bispo Dom Helvécio que liga o município de Marliéria ao Parque Estadual do Rio Doce – PERD, com extensão de 14,2 km.

O presidente André de Freitas informou ao deputado Celinho que aconteceu na semana passada uma reunião do Conselho Curador da Renova, mas que ainda não foi possível a aprovação do documento jurídico que regulamenta o pacote de recursos, bem como o cronograma de repasses e a definição para qual órgão do Governo os recursos serão repassados. Isso porque, segundo o presidente da Renova, os conselheiros querem esclarecer alguns pontos. André salientou que não pode precisar uma data, mas acredita que o documento possa ser analisado e aprovado até o final deste mês de abril.

O deputado Celinho tem realizado também contatos com Secretário de Infraestrutura e Mobilidade do Estado, Marco Aurélio Barcelos que enfatizou que a ordem de serviço poderá sim ser dada até o final de maio e início do mês de junho. Celinho salientou ao Secretário a necessidade de garantir que estes recursos sejam destinados para a realização das obras da MG 760 e não para outras finalidades.

O deputado Celinho acompanha o processo de liberação de recursos para a retomada das obras e teve reunião com a Secretária em exercício de Planejamento e Gestão Luíza Castro, ainda no mês de março, antes do início da pandemia em Minas Gerais, e ela garantiu que o Conselho Curador da Renova dando o sinal verde à minuta final do instrumento jurídico, ela será preparada e assinada no mês de abril. Logo após a tramitação final deste processo, a ordem, de serviço poderá ser dada até o mês de junho, afirmou a secretária ao deputado Celinho.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *