Vale do Aço é Campeão Fabricianense de Futebol Amador 2018

FABRICIANO – O título veio nos pênaltis, após empate no tempo regulamentar por 0 a 0 contra o Real Madrid. A partida foi realizada nesse domingo, 02, no Estádio Louis Ensch, Campo do Social.  O time do bairro Manoel Maia consagrou-se campeão pela primeira vez do torneio após amargar dois vices em anos anteriores. O campeonato foi uma realização da Prefeitura de Coronel Fabriciano, por meio da Secretaria de Governança da Cidadania do Futuro, com o apoio da LIDECEL.

Foram destinados para a realização da competição R$ 90 mil. Os recursos foram aplicados na compra de materiais esportivos, uniformes para as equipes, arbitragem e outros custeios.  A Prefeitura também deixou os campos em condições de jogo, com manutenção e reforma de gramados, alambrados e vestiários.  Todos os jogos tiveram ainda ambulância de plantão durante as partidas.

A competição começou em agosto, com 13 times inscritos e a participação de cerca de 250 atletas.  O torneio iniciou no formato de fase de grupos, e logo após decisões das vagas em jogos mata-mata, sendo as partidas disputadas em jogos de ida e volta. A finalíssima foi disputada em jogo único.

O jogo

Os dois times entraram em campo com muito respeito ao adversário e com certo nervosismo; um jogo de muitos passes longos e poucas chances de gols para cada lado. O Real Madrid teve um início de jogo melhor que o rival, já no segundo tempo, o Vale do Aço se impôs e terminou a partida dominando as ações no meio de campo e com mais posse de bola. Na decisão por pênaltis o Vale do Aço levou a melhor, o pênalti que deu o primeiro título ao time foi marcado por Wandeilson Celestino, o Vandinho, que eufórico, comentou sobre a campanha do time e o sentimento de sair vencedor. “É uma sensação única, colhemos o que plantamos durante todo o campeonato. Fomos campeões invictos, Deus é bom o tempo todo e a comunidade merece porque estava carente desse título. Eu ainda não sei como vamos comemorar, mas no bairro será feriado a semana toda (risos)”, disse o jogador. Com fortes emoções na disputada de pênaltis, terminou 5 a 4 para o Vale do Aço sobre o Real Madrid.

Premiações

Troféus e medalhas foram entregues para os campeões e vice-campeões. Os prêmios individuais contemplaram Walter Miqueias, do Mangueiras, como melhor artilheiro e Júlio Guerra, do Vale do Aço como melhor goleiro da competição.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *