Câmara de Ipatinga implanta Planejamento Estratégico semestral de trabalho

IPATINGA – Após realização de seminário e de outras 10 reuniões com servidores efetivos, vereadores, gerentes e demais integrantes da Câmara de Ipatinga, será apresentado nesta terça-feira (24), o Plano de Ação do Planejamento Estratégico Situacional Governamental (Pesg). O documento é fruto das demandas e potencialidades levantadas pelo corpo técnico da Casa, assim como por todos os envolvidos no processo legislativo.

Antes da apresentação do Pesg, o presidente da Câmara de Ipatinga, Jadson Helelo (SD), reuniu os vereadores em seu gabinete, onde detalhou a sistemática e o que será feito, a partir do que foi elencado. “O que fizemos foi dar voz a quem entende do assunto, ou seja, pedimos aos servidores que contassem sobre seus setores e o que pode ser feito para chegarmos a excelência do atendimento. A nossa meta é receber o cidadão da melhor maneira possível, assim como otimizar os processos internos. O que passa diretamente pelo entendimento do que precisa ser melhorado ou adequado”, disse o vereador.

Os encontros com os servidores efetivos, gerentes e chefes de gabinetes foram feitos dentro de um seminário técnico, com ênfase na abordagem situacional (denominada PES), cuja metodologia foi desenvolvida por Carlos Matus, professor, engenheiro e economista, tendo sido ministro de Economia do presidente chileno na década de 1970, Salvador Allende. Tais reuniões foram feitas pelo administrador e atual superintendente geral da Câmara, Marcelo Afonso.

Ele destacou a importância de que, mesmo diante de um cenário adverso para a classe política, seja ela em âmbito federal, estadual ou municipal, cabe aos gestores e também aos representantes da sociedade nas casas Legislativas, a obrigação de garantir eficiência, eficácia e, principalmente, efetividade nas políticas públicas de interesse do cidadão e de responsabilidade exclusiva do Estado.

Aos explanar o planejamento para os vereadores, o presidente Jadson Heleno salientou o objetivo, que é ampliar a atuação política e institucional da Câmara de Ipatinga nas decisões estratégicas e também de natureza social do município, promovendo uma maior participação popular e modernizando as formas de acesso do cidadão aos atos, destinos, aplicação e fiscalização dos recursos públicos municipais.

Para tal, foram debatidos internamente os possíveis “nós críticos”, que possam impedir que a instituição expanda sua área de atuação e busque, cada vez mais, atender com excelência os seus usuários.

Apresentação

O plano de ação e o planejamento estratégico serão apresentados aos atores envolvidos nesta terça-feira (24), às 16h, no Plenário da Casa.

 

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *