Secretaria da Mulher debate situação das trabalhadoras domésticas durante a pandemia

REDAÇÃO – A Câmara dos Deputados, por meio da Secretaria da Mulher, promove nesta segunda-feira (10), às 15 horas, audiência pública para debater a situação das trabalhadoras domésticas durante a pandemia. O evento será transmitido pelo canal da secretaria no YouTube. A audiência atende a um pedido feito pela Federação Nacional das Trabalhadoras Domésticas (Fenatrad) durante reunião realizada em abril, endossado pela Frente Parlamentar Feminista Antirracista com Participação Popular.

Serão debatidos temas como os direitos das trabalhadoras domésticas durante a pandemia de Covid-19 e as dificuldades enfrentadas pela categoria neste período de isolamento social, com a diminuição dos postos de trabalho e o risco de contaminação pelo uso de transporte público lotado.

O debate será mediado pela deputada Professora Marcivânia. Para o evento foram convidadas: Adriane Reis de Araújo, procuradora regional do trabalho e coordenadora nacional da Coordigualidade do Ministério Público do Trabalho (MPT); Maria Lúcia Vieira, coordenadora do Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares do IBGE; Mariel Lopes, economista e supervisora técnica do Escritório Regional do Dieese no Distrito Federal, e Martin Hahn, diretor do Escritório da Organização Internacional do Trabalho (OIT) no Brasil.

Pelos movimentos sociais e de trabalhadoras, participam as integrantes da Fenatrad Luiza Batista Pereira, presidente; Cleide Pinto, secretária de Formação; Creuza Maria Oliveira, secretária-geral; Chirlene Brito, conselheira fiscal, e Francisco Xavier de Santana, diretor financeiro. E ainda: Cleusa Aparecida da Silva, que falará em nome da Articulação de Mulheres Negras Brasileira (AMNB), e Sonia Maria Coelho Gomes, pela Marcha Mundial de Mulheres, ambas representando os movimentos pela Frente Feminista Antirracista.

O painel de debates marca as comemorações do Dia Nacional da Empregada Doméstica (27 de abril); Dia do Trabalhador (1º de Maio), e o 12 de maio, aniversário de morte de Laudelina de Campos Melo, uma referência na luta pela atuação organizada das trabalhadoras domésticas.

Mais informações podem ser obtidas com a Secretaria da Mulher, pelos telefones (61) 98179-2392 e (61) 3215-8800 ou por e-mail.

Serviço:

Audiência pública para debater a situação das trabalhadoras domésticas durante a pandemia
Data: segunda-feira, 10 de abril
Horário: 15h
Transmissão: canal da Secretaria da Mulher no YouTube

 

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *