Prefeito decreta EMERGÊNCIA ADMINISTRATIVA na cidade de Bom Jesus do Galho

Bom Jesus do Galho – Devido a ausência de transparência no processo de transição, e às condições precárias em que foi encontrado toda estrutura do município, Padre Aníbal, o prefeito de Bom Jesus do Galho, publicou na tarde desta terça-feira (12), situação de Emergência Administrativa na cidade.

Prefeito Padre Aníbal e a advogada Ana Paula

O prefeito Padre Aníbal informou ao JBN, que apesar de ter conhecimento da atual situação que se encontra a prefeitura de Bom Jesus do Galho e suas secretarias, disse está muito preocupado e ao mesmo tempo estarrecido ao perceber quão foi à falta de comprometimento da antiga administração e de seus assessores ao entregarem equipamentos sucateados, sem seus componentes originais e muita das vezes sem nem mesmo equipamentos. “Carros destruídos, e uma infraestrutura comprometida. O desafio é grande, mas juntos faremos uma nova história. Vamos organizar o nosso município, e para isto precisamos do apoio e compreensão de todos”, destacou Padre Aníbal.

Justificativa do decreto:

“Considerando ainda que são públicas e notórias as investigações que recaem sob nosso município de atos que, em tese, configuram nítida corrupção, improbidade administrativa e crime contra a administração pública, tendo sido estes atos investigados pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao
Crime Organizado (Gaeco) e já contam com diversas denúncias criminais formalizadas pelo Ministério Público de Minas Gerais, junto ao Tribunal de Justiça de Minas Gerais. Fica decretado estado de emergência administrativa no município, podendo ser prorrogado por igual período de 90 dias”.

 

 

 

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *