Hospital Jaques Gonçalves Pereira, de Belo Oriente, é disponibilizado para abertura de leitos UTI Covid

BELO ORIENTE – Diante do agravamento da crise pandêmica em nossa região, a Prefeitura de Belo Oriente em conjunto com a Associação Hospitalar São Vicente de Paulo de Ipanema, responsável pela gestão do Hospital Jaques Gonçalves Pereira, colocaram a disposição parte da estrutura física da unidade hospitalar para que possa ser realizada a instalação de dez leitos de UTI Covid.

A reunião entre representantes da Administração Municipal e da Associação Hospitalar para debater a possibilidade de disponibilizar a estrutura do Hospital para a instalação desses leitos ocorreu nesta segunda-feira, 22, a pedido do prefeito Hamilton Rômulo, que não pôde estar presente devido a uma licença médica.

Estiveram presentes o secretário municipal de Saúde, Ranieri Martinelli Prado, o gerente geral do Hospital Jaques Gonçalves Pereira, Rodolpho Pereira Dias e o diretor administrativo da unidade hospitalar, Heleno de Melo Boy.

Após o encontro, foi encaminhado para a Superintendência Regional de Saúde em Coronel Fabriciano, um ofício informando sobre a disponibilidade da estrutura física para a instalação imediata dos 10 leitos UTI Covid, desde que sejam fornecidos os equipamentos e recursos financeiros para a equipagem e manutenção dos mesmos.

Referência Não-Covid

Atualmente o Hospital Jaques Gonçalves Pereira está listado na Superintência Regional como uma referência para pacientes não-Covid, disponibilizando 30 dos 50 leitos de enfermaria existentes na unidade a estes pacientes.

Hospital Jaques Gonçalves Pereira

O Hospital Jaques Gonçalves Pereira, localizado no Distrito de Perpétuo Socorro, foi reaberto no dia 2 de setembro de 2019 e atende casos de urgência e emergência. A unidade é considerada de médio porte, e possui 50 leitos clínicos para atendimento adulto e infantil.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *