sábado, março 2, 2024
DestaquesEducação

Ipatinga poderá receber R$ 7 milhões da Fundação Renova para reforma de escolas

Ipatinga – Ipatinga está entre as 37 cidades do entorno do rio Doce que receberão parte de um montante de R$ 280 milhões vindos da Fundação Renova para serem investidos em melhorias na área da Educação. O anúncio foi feito na manhã desta sexta-feira (6), durante uma apresentação no 9º Fórum Permanente dos Prefeitos do Rio Doce. O evento foi realizado no município de Periquito e contou com a participação de 28 chefes de Executivo, incluindo o de Ipatinga, Nardyello Rocha. Também esteve presente na cerimônia o senador Rodrigo Pacheco, além de deputados estaduais e federais.

A verba será dividida entre os 37 municípios mineiros atingidos pelo desastre ecológico ocorrido em 2015, com o rompimento da barragem da Samarco, em Mariana, em valores proporcionais ao número de habitantes de cada um deles. Ipatinga deve receber R$ 7 milhões, que poderão ser aplicados nas escolas municipais em obras, reformas, aquisição de novos equipamentos, mobiliários e veículos.

O prefeito Nardyello Rocha explica que a verba para educação é uma medida compensatória da Renova aos municípios, a exemplo do recurso destinado ao meio ambiente, que somente pode ser investido em saneamento básico e esgoto sanitário.

“Esse recurso anunciado pela Fundação Renova, destinado para a área da educação, vem ao encontro das ações deste governo, que não tem medido esforços para tornar Ipatinga um modelo estadual no que diz respeito ao ensino. Será mais um importante investimento nas nossas escolas. Assim que recebermos, daremos início às obras de melhorias nos educandários para trazer ainda mais conforto aos nossos alunos, pais e professores e demais servidores que atuam em nossas escolas”, disse o prefeito.

Próximo passo

Nardyello Rocha foi escolhido entre os prefeitos presentes para ser um dos chefes do Executivo a fazer parte de uma comissão de trabalho composta por cinco prefeitos, que definirá as diretrizes finais para que o recurso seja repassado aos municípios com maior agilidade possível. O próximo encontro está marcado para o dia 18 de março, em Belo Horizonte, na sede da Associação Mineira de Municípios.

“Me sinto honrado de ter sido escolhido, dentre tantos prefeitos, para trabalhar na linha de frente que estará incumbida de efetivar o recebimento deste recurso pelos municípios. Esta conquista só foi possível graças ao trabalho conjunto e incansável de todos os prefeitos da calha do rio Doce, que foram afetados por esse desastre”, finaliza.

 

 

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *