Marliéria realiza reunião com Fundação RENOVA sobre Sistema de Esgotamento Sanitário em Cava Grande

MARLIÉRIA – Com o rompimento da Barragem de Fundão no ano de 2015, em Mariana, os resíduos afetaram a bacia do Rio Doce ao longo de toda sua calha.

Como compensação, criou-se um compromisso de investimentos em 39 municípios afetados pelo desastre ambiental, para obras de saneamento, buscando melhorar a qualidade das águas dos afluentes do Rio Doce e por conseguinte, a qualidade das águas do rio.

Foi criado também um órgão para gerenciar os investimentos, a “Fundação Renova”, mantida com recursos dos responsáveis pela barragem rompida, cujo objetivo é otimizar os resultados destes investimentos, fornecendo, inclusive, suporte técnico aos envolvidos.

Sob orientação e apoio técnico de profissionais contratados pela Fundação Renova, Marliéria iniciou, no ano de 2018, o processo de elaboração do projeto para interceptação e tratamento do esgoto do Distrito de Cava Grande.

VISITA DA FUNDAÇÃO RENOVA

No último dia 3 de julho de 2019, o Município recebeu a visita de três representantes da Fundação Renova, o Sr. Carlos Heinisch, Relações Institucionais, Sra. Fernanda M. Machado e Cláudia Lúcia da Silva Moreira, sendo as duas últimas representantes da empresa ERG ENGENHARIA, contratada pela Fundação Renova para realizar o serviço de apoio técnico no âmbito do programa de tratamento de esgoto e de resíduos sólidos.

Pela Manhã, o senhor Carlos apresentou as duas engenheiras, esclarecendo que a Sra. Cláudia seria, a partir desta data, a responsável por este suporte ao Município, contando com o apoio da Sra. Fernanda, que já possui grande experiência com os programas da Renova.

Após as apresentações, aconteceu uma visita técnica das duas engenheiras ao distrito de Cava Grande, acompanhadas por Sávio e Suzy, funcionários da prefeitura que estão conduzindo o processo no Município, onde foi apresentado o local e os detalhes referentes ao sistema esgotamento sanitário do Distrito, objeto do projeto a ser financiado com os recursos da Fundação Renova.

Durante a tarde, aconteceu uma nova reunião, desta vez, com a presença engenheiro Luan Ferreira de Souza Marques, representante da Empresa contratada pelo Município para elaborar o estudo de concepção e projetos, além de representantes da RAC Engenharia e Soluções Ambientais Ltda, que presta assessoria ao Município, responsável pela condução do licenciamento ambiental do sistema.

O engenheiro Luan realizou a apresentação do relatório técnico preliminar, descrevendo os estudos realizados e as propostas de solução, conforme condições técnicas e custos, de forma a fundamentar a escolha da alternativa que mais se adeque a realidade do Distrito.

Após a apresentação, discutiu-se as vantagens e desvantagens de cada sistema proposto, questões de implantação, operação e eficiência, sendo considerado, pelas características e condições descritas no relatório, o sistema de tratamento preliminar com gradeamento e caixas de areia e duas Lagoas facultativas, o mais indicado para a situação estudada.

Discutidos os demais termos do estudo (Relatório Técnico Preliminar), foram solicitadas pela equipe de apoio técnico alguns ajustes e adequações, sendo validado o estudo e as propostas apresentadas, estando a empresa autorizada a prosseguir com a elaboração dos projetos básicos do empreendimento.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *