Ipatinga oficializa captação de R$ 73 milhões para pacote de infraestrutura

Ipatinga – Numa cerimônia histórica realizada na manhã desta sexta-feira (2), na sala de reuniões do gabinete do Executivo, o município de Ipatinga oficializou os contratos para captação de recursos de mais de R$ 73 milhões junto à Caixa Econômica Federal. Os valores estão distribuídos em três cartas de crédito (a primeira de R$ 48 milhões, a segunda de R$ 13,666 milhões e a terceira de R$ 11,971 milhões) que vão bancar um gigantesco pacote de obras a ser executado a partir do final de setembro e início de outubro, dentro do programa Nova Ipatinga, que tem como slogan “Investir para Crescer”.

Conforme a superintendência regional da Caixa, que engloba 169 cidades desde o Vale do Mucuri até o Médio Piracicaba, esta é a maior parceria financeira já celebrada pela instituição de crédito nesta área de abrangência, na modalidade do Finisa – Programa de Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento.

Na presença de todo o secretariado e sua base de apoio na Câmara Municipal, o prefeito Nardyello Rocha adiantou que já na próxima semana serão lançadas as primeiras licitações, relativas ao recapeamento de mais de 60 quilômetros de asfalto em toda a área urbana do município, recuperação e implantação de ciclovias e execução de 50 muros de arrimo entre um total de 151 programados. As obras de recapeamento vão beneficiar cerca de 100 vias públicas em diversas regiões da cidade, privilegiando os corredores de tráfego mais movimentados e desgastados.

O Executivo ainda antecipou que outras obras que serão iniciadas rapidamente, dentro do pacote, são três novas Unidades Básicas de Saúde (UBS’s), nos bairros Jardim Panorama, Vila Formosa e Parque das Águas, cujas licitações já foram concluídas. As ordens de serviços serão definidas nos próximos dias junto aos vencedores da concorrência.

Destacando o importante e decisivo apoio do Legislativo para que o programa de obras pudesse ser viabilizado, o prefeito ainda ressaltou que “a captação de recursos em níveis tão representativos premia a competência da equipe técnica do governo, que tem sido determinante para a eficiência da nossa gestão administrativa”. O município de Ipatinga fez acordo para recebimento de uma grande dívida acumulada do Estado, a partir do próximo ano, no valor de R$ 137 milhões. Os créditos deverão ser recebidos em parcelas, durante três anos. Quanto ao contrato do Finisa, são dois anos de carência, e o prazo de pagamento é de dez anos, com juros de apenas 4,9% ao ano. Este quadro econômico demonstrado pelo governo de Ipatinga também favoreceu a aprovação do empréstimo pela Caixa, sendo comprovada plenamente a capacidade de endividamento do município.

Para o superintendente regional da Caixa, Emerson Leal, “esta parceria é muito gratificante para a instituição, porque além de representar uma relação de confiança com os gestores do município, significa desenvolvimento e bem-estar social para a população. Estávamos ansiosos com a liberação deste contrato porque, como bem disse o prefeito, Ipatinga se transformará num canteiro de obras e somos protagonistas de uma ação muito positiva”, comemorou.

assinatura do finisa

Assinatura do contrato foi oficializada nesta sexta-feira (2), durante cerimônia realizada no gabinete do Executivo.

Participaram também da solenidade, representando a Caixa, o gerente nacional de Governo, Cristiano Medeiros; o gerente Regional, Carlos Alexandre; a gerente Geral da Caixa de Ipatinga, Marília Torres, e a gerente Executiva de Governo (GIGOV), Marina Mendes.

Prédio da PMI e Ipatingão

As obras do programa Nova Ipatinga contemplarão áreas de infraestrutura, mobilidade urbana e modernização administrativa, com execução prevista para o período de 15 meses. Outros serviços programados são a completa recuperação do prédio da administração municipal – construído na década de 70 e ameaçado de interdição pelo Ministério Público em função de problemas de segurança – e ações emergenciais no estádio João Lamego Netto, o Ipatingão, cujas instalações apresentam infiltrações e estruturas em avançado estado de deterioração, inclusive com corrosões identificadas nas torres de iluminação.

Saneamento

O prefeito Nardyello Rocha também informou, durante a cerimônia desta sexta-feira, que o município de Ipatinga iniciará nos próximos meses mais uma grande frente de obras na área de saneamento, contemplando bairros como Vila Celeste, Horto e Chácaras Madalena. Os recursos são assegurados pela fundação Renova, como compensação por danos provocados em cidades da bacia do Rio Doce em decorrência do acidente ambiental ocorrido em Mariana, em novembro de 2015.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *