Estacionamento rotativo no bairro Canaã poderá ter mais vagas

Ipatinga – A Associação, Comercial, Industrial, Agropecuária e de Prestação de Serviços de Ipatinga (Aciapi) e a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Ipatinga receberam, na manhã desta segunda-feira (16), o secretário municipal de Serviços Urbanos e Meio Ambiente (Sesuma), Agnaldo Bicalho, e o diretor do Departamento de Trânsito, Tayrone Lagares. O encontro serviu para discutir a expansão do estacionamento rotativo no bairro Canaã, que ainda está em fase de implantação. Esse pedido foi feito por lojistas e empresários do bairro.

Conforme o secretário Agnaldo, após ser implantado no Centro, Cidade Nobre e Horto, o Canaã é o quarto e último bairro de Ipatinga a receber o estacionamento rotativo, de acordo com a legislação e licitação, sendo que a previsão de cobrança no Canaã é a partir do dia 30 deste mês, quando terminará a campanha educativa. “Recebemos, por meio da Aciapi-CDL, uma solicitação de comerciantes, de um pequeno trecho que não seria atendido com o rotativo, para que tivesse mais 50 vagas demarcadas. O trecho é entre o fim da avenida Selim José de Sales até a Praça da Maçonaria. Com isso, no total, passaria de 690 para 790 vagas”, informou.

Balanço
Na reunião, o secretário também aproveitou para fazer um balanço do estacionamento rotativo, que teve início em março deste ano, no Centro de Ipatinga. “Nos primeiros três meses de funcionamento, o sistema arrecadou para os cofres do município o valor de R$ 219.093,52. Esses recursos foram revertidos em sinalização de trânsito. Então essa é uma receita importante para Ipatinga. Vale destacar que o município arrecada cerca de 40%, enquanto a empresa Central Park fica com 60% da arrecadação”, informou.

Geração de emprego
Agnaldo Bicalho ressaltou que além do sistema rotativo beneficiar a administração municipal, lojistas e clientes, ainda há geração de emprego e renda na cidade. “A empresa conta com quase 40 funcionários, da região, que trabalham diariamente no sistema do estacionamento. Ou seja, são 40 famílias sendo beneficiadas com esses empregos”, salientou.

Retorno positivo
Segundo o presidente da Aciapi, Cláudio Zambaldi, o estacionamento rotativo é um tema antigo, que já era discutido entre a Aciapi-CDL e o poder público, com o intuito que fosse regularizado na cidade. “Tivemos a grande satisfação do sistema ser implantado nesse governo municipal. Na última reunião da diretoria das entidades, os próprios diretores ressaltaram que está sendo possível resgatar o sábado, um dia importante para as vendas, mas que antes era considerado um dia perdido, porque muitas pessoas não conseguiam ir aos principais polos comerciais da cidade para fazer suas compras. Entretanto, com o estacionamento rotativo, já conseguimos reverter isso. E nós também já recebemos pedidos de lojistas de outros bairros solicitando o estacionamento rotativo, o que demonstra sua importância”, afirmou.

Pontos de vendas
Atualmente, há quase 100 pontos de vendas nos bairros em que o estacionamento rotativo já foi implantado. Com isso, o presidente da CDL de Ipatinga, Amaury Gonçalves, destacou a importância da participação dos comerciantes no sistema rotativo, de forma que seus estabelecimentos também possam ser pontos de vendas, facilitando ainda mais para os clientes. “Sabemos que é desgastante para o lojista, pois entra muitas pessoas no estabelecimento para comprar horas de estacionamento. Mas vale lembrar, que aderindo ao ponto de venda, ganha 10% na arrecadação bruta, além da oportunidade de receber novos consumidores dentro da loja diariamente”, disse.

Lojistas
Para o lojista Marco Túlio Lamounier, da loja Flags Realce, no Centro de Ipatinga, o estacionamento rotativo é muito necessário. “Não tem como ficar sem ele. As vagas são justamente para o cliente poder estacionar seu carro, entrar na loja e depois ir embora. Já defendo esse estacionamento rotativo há muito tempo. Melhorou bem o comércio, porque facilitou para o cliente”, informou.

A proprietária da loja Radical Chic Moda Masculina, Graça Lima, que trabalha no bairro Cidade Nobre, também afirmou que o estacionamento rotativo contribuiu bastante para seu comércio. “Estou muito satisfeita com o estacionamento rotativo aqui na avenida Carlos Chagas. É muito importante esse fácil acesso às vagas para nossos clientes, e os mesmos têm elogiado o sistema”, salientou.

O empresário Adilson Sabino, que é proprietário da Continental Joias, localizada no bairro Horto, também avaliou o sucesso do estacionamento rotativo. “Não tinha dúvida de que esse sistema é uma excelente ferramenta para os clientes, que proporciona mais conforto”, enfatizou.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *