Prefeito de Fabriciano volta a atacar a atuação do Ministério Público

Fabriciano – Está repercutindo nos meios políticos e judiciais de Coronel Fabriciano, o teor da entrevista concedida à Rádio Educadora, na quarta (16), pelo prefeito Dr. Marcos Vinicius (PSDB). Na entrevista, o chefe do Executivo Fabricianense voltou a atacar o Ministério Público. A participação dele foi transmitida ao vivo também pelo Facebook.
Ao ser indagado pelo locutor da emissora sobre os vários processos que responde na Justiça, alguns levados ao Ministério Público pelos vereadores, ele concorda que “a função do Ministério Público é apurar tudo o que é denunciado lá”. “Ele tem que apurar. Agora, é normal, a maioria das denúncias que estão lá são anônimas (sic). (…) Fico muito feliz, porque me falaram que quando eu terminasse o mandato de quatro anos eu teria 30 processos. Eu só tenho oito”, desdenha.
“Eu recebo por dia de 18 a 20 notificações. Até pedido de viagra eu já recebi na minha prefeitura. Eu recebi pedido de creme hidratante Cetaphil. O próprio Ministério Público querendo que o poder Executivo cometa crime. Como que vou licitar uma coisa com marca? É brincadeira, nem a minha filha que eu e a mãe dela somos médicos, temos recursos, e ela não tem condição de usar Cetaphil . Agora, para o Ministério Público tem que ter Cetaphil  para uma criança, enquanto mais de 30 mil não tem nada para usar”, criticou.
Novas ações
No entendimento do vereador Marcos da Luz, com estes posicionamentos, o prefeito agrava a cada dia a relação institucional do seu governo com os órgãos de controle externo e fiscalização, como é o caso do MP. “Esta semana a 3ª Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público propôs novas ações civil pública em face do município, acerca de irregularidades na atual administração”, garantiu o vereador.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *