Cidades Destaques 

Inscrições para moradias populares em Ipatinga já somam quase 4 mil famílias

IPATINGA – O sonho de conquistar a casa própria entre pessoas em vulnerabilidade social já atraiu a cadastramento aberto pela Prefeitura de Ipatinga, em apenas 15 dias, de quase 4.000 famílias. A construção de 240 apartamentos no bairro Nova Esperança, pelo ‘Programa Minha Casa, Minha Vida’, está em fase adiantada, e a etapa de inscrição para participação no sorteio destas unidades habitacionais será encerrada no próximo dia 19. Mas centenas de outras moradias também estão liberadas para o município, com início da edificação previsto para os próximos meses.

Para a inscrição, os interessados devem comparecer ao posto avançado montado no galpão central do Parque Ipanema, de segunda a sexta-feira, de 8h às 17h, ou fazer o cadastro através do link disponibilizado no site da Prefeitura de Ipatinga:
http://minhacasaminhavida.ipatinga.mg.gov.br.

Entre as famílias já inscritas, 1.806 procuraram o galpão no Parque Ipanema e outras 2.172 registraram seus dados pela Internet, somando 3.978.

ricardo

“Neste momento, catalogamos apenas os dados de Carteira de Identidade e o CPF do interessado. Posteriormente, outros documentos serão solicitados”, enfatizou o secretário de Planejamento

Segundo o secretário municipal de Planejamento, Ricardo Luiz de Figueiredo, os munícipes devem estar atentos aos documentos solicitados nesta fase. “Neste momento, catalogamos apenas os dados de Carteira de Identidade e o CPF do interessado. Posteriormente, outros documentos serão solicitados”, enfatizou.

Ainda de acordo com o secretário, “ao final de todo o processo os cadastros serão rigidamente fiscalizados, com verificação de contas de luz e cruzamentos de dados, para que as pessoas realmente necessitadas sejam beneficiadas, sem favorecimentos ou protecionismos”.

Plano habitacional
Segundo o IBGE e com base em inscrições no CadÚnico, Ipatinga possui atualmente cerca de 4.600 famílias com renda mensal inferior a R$ 1.800.

“As novas moradias são construídas visando este público, a fim de zerarmos o déficit habitacional existente no município”, destaca o prefeito Nardyello Rocha.

“Nós estamos operacionalizando o maior plano habitacional já executado em Ipatinga em toda a sua história, socorrendo milhares de famílias de baixa renda que sonham há décadas com suas moradias. É muito importante frisar também que a construção civil gera um grande número de empregos e as vagas de trabalho criadas são reservadas prioritariamente aos moradores das regiões atendidas. Além disso, uma vasta cadeia de serviços é acionada paralelamente, aquecendo setores como os de alimentação, combustíveis, etc”, acrescentou.

novas moradias nova esperança

A expectativa da administração municipal é que as obras no Nova Esperança sejam concluídas no segundo semestre de 2019

A expectativa da administração municipal é que as obras no Nova Esperança sejam concluídas no segundo semestre de 2019. Com outros 656 apartamentos cujas obras deverão ser iniciadas dentro dos próximos três meses, agora são 896 novas unidades habitacionais liberadas. Com processos de licitação já concluídos, estão programados também 496 apartamentos no bairro Planalto II e outros 160 no Veneza II.
Há, ainda, a expectativa de liberação de mais 496 unidades para a região do Veneza, cujo processo já tramita junto à Caixa Econômica Federal, o que elevará para 1.392 o número de novos apartamentos disponibilizados.

Compartilhe em suas redes sociais

Notícias Relacionadas

Leave a Comment