Cidades 

Ipatinga mantém protesto contra governo de Minas e não funciona nesta sexta-feira

IPATINGA – Diante da situação ainda insolúvel dos débitos milionários do Estado no município de Ipatinga, que inviabilizam a prestação de uma série de serviços básicos à população especialmente nas áreas de saúde e educação, a Prefeitura de Ipatinga manterá a paralisação de parte dos atendimentos públicos nesta sexta-feira (10). O ato foi oficializado pelo prefeito Nardyello Rocha através da publicação do Decreto nº 8.876.

No entanto, escolas municipais, os serviços prestados pela Defesa Civil, limpeza urbana, cemitérios, vigilância, Hospital Municipal, UPA e SAMU funcionam normalmente.

O Executivo informou ter definido o ponto facultativo para fortalecer posição definida no Fórum Emergencial de Saúde e Educação realizado no dia 27 de julho, em Governador Valadares. Durante o encontro, foi abordada a calamidade financeira em que se encontram os municípios, diante da falta de repasses de recursos pelo governo estadual.

A dívida do governo de Minas com o município de Ipatinga já ultrapassa a casa dos R$ 110 milhões. “Apesar desse grandioso rombo, temos trabalhado duro para atender às demandas da comunidade, em diversas frentes. Contudo, não poderíamos deixar de participar desse movimento, tendo em vista a importância da nossa cidade, que sem dúvida ajuda a fortalecer a manifestação”, disse o prefeito.

Compartilhe em suas redes sociais

Notícias Relacionadas

Leave a Comment