Descarte irregular gerou mais de 35 mil toneladas de entulho em Ipatinga

IPATINGA – A Prefeitura de Ipatinga divulgou nesta sexta-feira (2), através da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos e Meio Ambiente (Sesuma), um balanço do impressionante volume de lixo e entulho recolhido na cidade em 2017, fora da coleta domiciliar regular que é feita diariamente. Foram nada menos que 35 mil toneladas de materiais descartados irregularmente. E o problema persiste, apesar das campanhas de conscientização: apenas no mês de janeiro último, já foram outras 2.400 toneladas coletadas.

ideal

Parte deste entulho recolhido no último mês é proveniente de alguns bairros que tiveram a limpeza concluída, mas o montante maior vem de áreas reincidentes, que já foram limpas inúmeras vezes e voltam a ser pontos de descarte irregular.

Infratores reincidentes

ideal

Este é o caso da área do alto da caixa d’água do bairro Ideal, de onde foram retiradas 60 toneladas em julho do ano passado, mais 15 toneladas em novembro e, nesta semana, outras 30 toneladas. Mesmo com a instalação de placas de ‘Proibido jogar lixo – sujeito a multa’ no local, o descarte irregular se repete.

A Prefeitura vem notificando todos os responsáveis que são identificados. Também tem sido feito um mapeamento dos pontos de reincidência, e a fiscalização será intensificada e rigorosa nestes locais, com penalidades para os infratores, previstas em lei.

A prática de jogar lixo e entulho em áreas de preservação ambiental, praças e nascentes é crime, passível de multa prevista no Decreto Municipal 4.435, de 17 de abril de 2001, que regulamenta a Lei Municipal nº 1.831, de 22 de fevereiro do mesmo ano.

O Decreto 4.435, de 17 de abril de 2001, que regula os serviços de limpeza urbana no município, prevê multa de 1 a 10 Unidades Fiscais Padrão de Ipatinga (UFPI) para quem faz o descarte irregular de lixo e entulho.

Bocas de lobo

A orientação da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos e Meio Ambiente (Sesuma) é para que os moradores evitem deixar sacolas com lixo próximo aos bueiros e bocas de lobo, ao fazer a varrição de suas calçadas e quintais, além de recolher todo o entulho e folhas de árvores e ensacolar este material, depositando-o junto com o lixo doméstico nos horários de coleta.

Isso colabora com a limpeza da cidade e evita que estes materiais terminem dentro dos bueiros e bocas de lobo, ocasionando o entupimento dos equipamentos e trazendo transtornos à população nos dias chuvosos, além de poluir os cursos d’água. Outra orientação é para que restos de materiais de construção não sejam depositados nas calçadas, fora das caçambas.

Horários de coleta

A Sesuma também alerta a população para que fique atenta aos dias e horários de coleta de lixo domiciliar, já que muitos têm descartado o lixo fora do horário. As sacolas acabam sendo rasgadas por cães, com o saldo de detritos espalhados pelas vias e passeios.

Caso o morador tenha dúvidas quanto aos dias e horários de coleta, basta se comunicar com o Departamento de Serviços Urbanos, telefone 3829-8514, de segunda a sexta-feira, de 7h às 13h.

A população também pode colaborar com a prefeitura denunciando de forma sigilosa as infrações de descarte irregular de lixo e entulho pelo Disque Denúncia 9 8587-5724.

Compartilhe em suas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *